‘Transtornos de ansiedade e depressão’ foi o tema de capacitação que os profissionais da saúde receberam nesta quarta (12). O encontro que aconteceu no Salão Paroquial contou com a presença de psicólogos, médicos e enfermeiros que fazem parte da atenção básica do município.

“Os casos de depressão e ansiedade que chegam nas unidades de saúde, dependendo do caso, podem ser tratados com supervisão médica. É por isso que estamos capacitando e ajudando na formação de médicos e enfermeiros que aqui estão”, disse Michelle Ribeiro, coordenadora da Atenção Básica do município.

A médica psiquiatra Isabelly Monteiro foi quem conduziu as temáticas aos participantes do encontro.
Em sua apresentação, a profissional apresentou casos clínicos de depressão e ansiedade, orientou em como tratar certos diagnósticos e manejos em cada caso específico. Isabelly também trocou experiências com os profissionais que trabalham com as patologias mentais.

Segundos dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), em 2017, houve em todo mundo, cerca de 322 milhões de pessoas com algum transtorno depressivo.
Um dado que equivale à população dos Estados Unidos. Já o número de ansiosos foi bem alto também, com cerca 264 milhões de pessoas em todo o mundo.