Um jogo bem acalorado e que rendeu empate à categoria aspirante do São Paulo e Leão do Morro na abertura do Campeonato Lagoassequense de Futebol 2019, na manhã deste domingo (1º). Lacerda e Silvan marcaram os gols do SP, já Denival e Gil balançaram as redes, dando ponto à torcida do Leão.

No início, o SP foi pra cima e abriu o placar de 2 a 0. Quando as torcidas pensavam que tudo estava encaminhado para o jogo fácil, o Leão do Morro reagiu fazendo um gol. E no final da partida, um giro de pênalti empata o clássico. Final do certame 2 a 2.

Ao som da apresentação inicial da Banda Fanfarra Ipuarana, os dois times aspirantes abriram o Campeonato deste ano.

Na categoria titular, o Leão do Morro venceu o São Paulo por 2 a 0.

Em tom de felicidade, o prefeito Fábio Ramalho esteve acompanhado o jogo e disse que o domingo marcava o “Dia do Esporte em Lagoa Seca”, isso porque acontecia, paralelamente na Escola Estadual Francisca Martiniano da Rocha, o I Campeonato Interno de Jiu Jitsu, evento apoiado pela prefeitura.

Fábio na Câmara e as novidades para o campeonato 2019

O prefeito esteve na última reunião preparatória antes da abertura do Campeonato Lagoassequense de Futebol 2019. Na sexta-feira, 30, o gestor acompanhou a entrega dos regulamentos aos clubes, feita pelo Departamento de Esportes, na Câmara, e anunciou em primeira mão as novidades para o campeonato deste ano.

As 32 equipes já receberam uma bola, que foi entregue na Câmara. Fábio ainda garantiu que, para este ano, o campeão da categoria titular vai receber o prêmio de R$ 4 mil, já o vice leva R$ 2 mil para o clube.

E não para por aí. Ainda segundo o chefe do Executivo, a equipe ganhadora do grupo aspirante recebe R$ 3 mil, e o vice R$ 1.500. Os clubes que participarem das semifinais e forem sendo eliminados também vão receber a quantia de R$ 500 cada.

“Com um investimento de mais de R$ 20 mil reais em prêmios simbólicos e dinheiro, a prefeitura investe no esporte e valoriza os esportistas de nossa cidade, bem como gerando emprego e renda”, afirmou o diretor da pasta, Júlio César (Juninho).