Confira o balanço dos jogos da segunda rodada do Campeonato de Futebol 40+ em Lagoa Seca

A Secretaria de Cultura, Turismo e Esporte, por meio do Departamento de Esportes, promoveu, neste domingo (26), a segunda rodada do Campeonato Lagoassequense de Futebol Master categoria 40+.
Um jogo aconteceu no Estádio Municipal Francisco Luiz de Sena “O Titão” e os outros dois em comunidades rurais do municípios.
No Titão, com gols de Luís Carlos, Isaías e Luciano Amaral o Leão do Morro venceu o Bahia por 8 a 2, estes últimos marcados por José Cláudio e Nildo.
Estrela e Santa Cruz se enfrentaram no Distrito São Pedro (Campinote). Apesar de jogar em casa, o Estrela não brilhou muito e acabou marcando apenas um gol, de Jerônimo. O rival teve mais sorte e balançou a rede com os gols de Edgley e Alessandro.
Já no sítio Retiro, a partida trouxe Náutico e Valência. O placar foi de 2 a 1. Vitória do Náutico, com atuações de Rafael e Edmir, versus o gol de Tony.

A previsão é que o campeonato termine no mês de julho, com a entrega da premiação. A equipe campeã receberá troféu, medalhas e um valor de R$ 2 mil. Já o vice-campeão também ganhará estes prêmios, mas o valor em dinheiro é de R$ 1,5 mil.
Ao todo, 7 times estão participando do evento esportivo. A chave é única e os confrontos são definidos mediante sorteios. Segundo o Departamento de Esportes, devido à quantidade ímpar de equipes, em cada jogo um grupo ficará de folga. De acordo com a Secult, essa edição master servirá como um esquenta até a chegada do tradicional Campeonato Lagoassequense de Futebol que já está no planejamento da pasta para ocorrer no segundo semestre deste ano.

SECULT realiza primeira oitiva para discutir planos da Política Nacional Aldir Blanc 2 em Lagoa Seca

Pensando em sanar dúvidas referentes ao edital da Política Nacional Aldir Blanc 2, a Prefeitura de Lagoa Seca, por meio da Secretaria de Cultura, Turismo e Esporte realizou, na tarde desta quinta-feira (24), a primeira reunião de planejamento e apresentação da lei que vai beneficiar os produtores culturais do município com até R$ 223.286.07. Além do público-alvo, estiveram presentes na ocasião, representantes da SECULT, além do secretário da pasta, Márcio Rangel.

O momento também serviu para discussão a respeito da elaboração e aprovação do Plano Anual de Aplicação de Recursos (PAAR), com o objetivo de detalhar a execução desses investimentos nos setores culturais de Lagoa Seca. O primeiro edital da lei que beneficiou uma série de artistas e fazedores de cultura local foi emergencial, pensando em apoiar a classe que sofria dos efeitos negativos da pandemia. Dessa vez, a política foi reformulada e pretende atrair um público diferente.

Após o sucesso na logística e aplicação dos recursos oriundos da Lei Paulo Gustavo, destinados ao setor do audiovisual, Lagoa Seca avançou mais um degrau e agora se prepara para a Lei Aldir Blanc 2. O município foi uma das primeiras cidades da Paraíba a enviar o plano de ação para receber os recursos da lei que visa beneficiar e garantir o fomento de produções e projetos culturais.

SECULT promove reunião de balanço da Festa do Artesanato 2024 e planejamento com artesãos em Lagoa Seca

A Prefeitura de Lagoa Seca, por meio da Secretaria de Cultura, Turismo e Esporte, realizou na tarde desta segunda-feira (20), uma reunião com os artesãos do município. Estiveram presentes no momento, além da categoria, representantes da Associação dos Artesãos de Lagoa Seca, como a presidente Vera Lúcia, a coordenadora de artesanato do município, Lucicleide Nascimento e o secretário da pasta, Márcio Rangel.

O encontro foi pautado no balanço geral da Festa do Artesanato 2024, pontos positivos e negativos a serem discutidos e planejados para a próxima edição. Os artesãos tiveram a oportunidade de expor seus pensamentos e sentimentos sobre a edição histórica da festa, que foi bem avaliada por eles, especialmente aspectos como espaço e segurança.

Além disso, também foram discutidos diversos planos futuros para o grupo, como a exposição de peças no Salão do Artesanato e Vila Sítio São João, em Campina Grande, e a parceria com o projeto de economia solidária, ARTereza, que une estudantes da Universidade Federal de Campina Grande e alunos da ECIT Francisca Martiniano da Rocha, para desenvolver junto aos artesãos um trabalho de apoio às vendas de seus produtos de forma digital.

No final, houve um coffee break com a distribuição de lembranças paras mamães artesãs pela passagem do Dia das Mães.

PMLS reabre Estádio “O Titão” com abertura do Campeonato Lagoassequense de Futebol Master; confira o balanço dos jogos

Após 30 dias da Festa do Artesanato, a Prefeitura de Lagoa Seca, por meio da Secretaria de Cultura, Turismo e Esporte, reabriu o Estádio Francisco Luiz de Sena – “O Titão” neste domingo (19). O retorno das atividades foi marcado pela abertura oficial da 1° edição do Campeonato Lagoassequense de Futebol Master, categoria 40+.

As partidas deste domingo foram realizadas simultaneamente em três estádios do município. No Titão, aconteceu a disputa entre Leão do Morro e Náutico. Apesar dos esforços de ambos, o jogo saiu 0x0.
Já no Campo do Bahia, foi a vez do Bahia e Santa Cruz. Com placar de 2×0 e gols de Luís Alberto, o Santa Cruz levou a vitória.
Por fim, no Campo do Sport, ocorreu o embate entre Sport e Estrela. Com o resultado final de 3×1, a equipe do Sport venceu o primeiro confronto. Os três gols foram marcados pelos jogadores Carlos Henrique, Joselito e Edgley, já o do Estrela foi José Jerônimo.

A partir de agora, as equipes se preparam para a segunda rodada, que acontecerá no próximo domingo, 26 de maio. A previsão é que o campeonato termine no mês de julho, com a entrega da premiação. A equipe campeã receberá troféu, medalhas e um valor de R$ 2 mil. Já o vice-campeão também ganhará estes prêmios, mas o valor em dinheiro é de R$ 1,5 mil.

Ao todo, 7 times estão participando do evento esportivo. A chave é única e os confrontos são definidos mediante sorteios. Segundo o Departamento de Esportes, devido à quantidade ímpar de equipes, em cada jogo um grupo ficará de folga. De acordo com a Secult, essa edição master servirá como um esquenta até a chegada do tradicional Campeonato Lagoassequense de Futebol que já está no planejamento da pasta para ocorrer no segundo semestre deste ano.

Prefeitura de Lagoa Seca amplia campanha para alertar população sobre casos de abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes

A Prefeitura de Lagoa Seca continua executando ações ligadas à campanha Maio Laranja – mês de conscientização sobre os casos envolvendo abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes. Para ampliar a discussão do tema no município, uma grande força-tarefa foi montada para este sábado (18).

Setores da Secretaria de Assistência Social foram às principais ruas e pontos estratégicos que reúnem inúmeras pessoas, na manhã de hoje, para chamar a atenção da população e pedir colaboração da sociedade em defesa dos mais vulneráveis. 

A ação cobriu setores de grade movimentação, como a feira do Mercado Público do Produtor Rural e Policlínica João Joaquim de Medeiros – onde acontecia o Dia D de imunização contra a gripe. 

Servidores entregaram panfletos os quais contêm sinais de como a violência sexual se manifesta e como denunciá-la aos órgãos responsáveis. Além disso, a equipe realizou pitstop em frente à prefeitura, área de maior circulação de veículos no Centro da cidade, segurando uma grande faixa com a mensagem “Isso é da nossa!”, e disque 100, em caso de denúncia. 

Para o verdadeiro batalhão deste sábado, membros da rede de proteção integral da criança e do adolescente de Lagoa Seca arregaçaram as mangas e, desde as 7h, caíram em campo para a missão. Participaram do ato o Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), o Conselho Tutelar e o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS). 

Em 12 anos, segundo dados da Vigilância Socioassistencial, 134 casos de abuso e exploração sexual foram contabilizados e acompanhados pelo CREAS de Lagoa Seca. Só em 2024, o município tem 10 notificações dessa natureza (do início do ano até agora), duas a mais se comparadas ao mesmo período do ano passado. 

Até o final do mês, outras atividades serão desenvolvidas como forma de endossar o discurso da campanha e evitar o aumento de números preocupantes como esse. O CREAS informou, ainda, que está marcada para o dia 29 de maio a culminância do projeto “Isso é da nossa conta” edição 2024, criado em 2017 em Lagoa Seca. O último dia pretende premiar, assim como nos anos anteriores, a melhor redação de alunos dos anos finais de quatro escolas da rede municipal de ensino, bem como o melhor desenho da educação infantil. Toda programação vai ser lançada em breve nas redes de comunicação da prefeitura. 

Origem da campanha nacional

A criação do Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes foi instituída pela Lei nº 9.970 em 17 de maio de 2000. A data é dedicada à memória de Araceli Cabrera Sánchez Crespo, uma menina de 8 anos que, em 18 de maio de 1973, no estado do Espírito Santo, foi sequestrada, vítima de diversas formas de violência e, posteriormente, morta por seus sequestradores. Seu corpo foi encontrado seis dias depois, e os responsáveis pelo crime não foram punidos até os dias atuais.

VEJA OS REGISTROS DESTE SÁBADO (18)

CHEGOU NA ZONA RURAL: projeto “Karatê para a vida” inicia aulas com adesão de 40 alunos na comunidade Alvinho, em Lagoa Seca

O Alvinho é a a primeira comunidade da zona rural do município de Lagoa Seca a ser contemplada com a ampliação do projeto “Karatê para a vida”. As aulas começaram nesta quarta-feira (8), nas instalações da Escola Municipal José Gomes.

Para os turnos manhã e tarde, 40 alunos aderiram à modalidade esportiva no Alvinho. Além da comunidade, as Escolas Machado de Assis (São Pedro – Campinote), Zezito Ribeiro e Isabel Vieira (Chã do Marinho) também fazem parte da lista neste primeiro momento. O grupo inclui, ainda, usuários do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS). A prática, para quem reside na zona urbana, continua sendo ofertada no Ginásio Santino Herculano de Lima (O Santinão).

Para acompanhar o início das atividades na zona rural, Dannylo Cabral (coordenador de Esportes) representou a Secretaria de Cultura, Turismo e Esporte na aula inaugural realizada na manhã de hoje. O momento reuniu pais, alunos, professores e demais pessoas da localidade.

Está sendo primeira vez que a gestão municipal oferece aulas de karatê, uma vez que a procura tem sido alta por parte da população. A prática saudável reúne diversos benefícios, como a resistência física, desenvolvendo a capacidade cardiovascular e a respiração, aumentando a coordenação motora e os reflexos, além de melhorar a concentração e elevar a autoestima.

SUCESSO NAS VENDAS: salão supera edição passada e saída de peças passa dos R$ 20 mil durante Festa do Artesanato em Lagoa Seca

Com o fim da Festa do Artesanato – O Festival Estadual do Artista Popular edição 2024, a coordenação do artesanato divulgou o resultado das vendas das peças do salão. Os números animam e, se comparados à última edição, revelam aumento significativo.

De acordo com a Secretaria de Cultura, Turismo e Esporte, o total da saída de mercadorias resultou em R$ 20.486,00; em 2022, a quantidade foi pouco maior de R$ 14 mil. O balanço é feito desde o surgimento da festa, em 2017, e serve como prestação de contas e expõe o que os compradores mais procuraram durante os cinco dias de evento.

E se a Festa do Artesanato deste ano atingiu seu ideal de ser a maior e melhor edição de todos os tempos, a proposta também foi alcançada com os negócios da feira de artesanato, que serviu como forte instrumento de exposição e comercialização de inúmeros produtos confeccionados por homens e mulheres de mãos-cheias. O festival aconteceu de 10 a 14 de abril, no Estádio Municipal Francisco Luiz de Sena (O Titão).

Ainda conforme a secretaria, três tipos de artesanato listaram as maiores vendas: habilidade manual (sobretudo acessórios infantis), costura criativa e gastronomia (lanches). O saldo não inclui o apurado dos comerciantes – que trabalharam dentro do estádio ou fora dele.

Festa do Artesanato: última noite de shows reúne Fabrício Rodrigues, Banda Encantus e Vicente Nery; salão continua neste domingo

O público forrozeiro se despediu da última noite de shows no palco principal da Festa do Artesanato – O Festival Estadual do Artista Popular em Lagoa Seca. Mas a quinta edição não acabou, pois até este domingo estará aberto o salão de artesanato, no horário de atendimento a partir das 16h.

Além da continuação da feira de artesanato, o Palco Cultural Zacarias Jerônimo da Costa encerra hoje suas atividades com mais três atrações: Lu Neves e Cafu, André Vieira e Djair e parceiros do forró. Ontem Carlinhos Estilizado e Diogo Cirne ganharam os holofotes.

Neste sábado, o município começou desfrutando dos sucessos de Fabrício Rodrigues, vindo diretamente de João Pessoa. O artista se apresentou pela primeira vez e agradou o público embalando hits muito conhecidos. De voz potente e estilo único, o cantor tem ganhado espaço com o “arrocha contagiante”, sobretudo com sua mais nova música “Deixa no Sigilo”.

A próxima atração, muito aguarda pelos lagoassequenses e turistas, foi a Banda Encantus. Milhares de pessoas lotaram o Estádio Municipal Francisco Luiz de Sena (O Titão) para ver de perto o grupo que é sucesso no forró eletrônico há mais de duas décadas. Atualmente, os vocalistas são Marcelo Mendes e Manu Barbosa.

Ao som de muito romantismo, Banda Encantus se tornou famosa por letras como “Estrela”, “Lua”, “22 Minutos”, “Talvez”, cantadas até hoje por quem os acompanha. A banda paraibana elogiou todo acolhimento e estrutura da festa, bem como o carinho externado pelos seguidores que faziam filas para tirar fotos com o Encantus.

Por fim, no mesmo palco, Vicente Nery finalizou a programação musical do palco principal da Festa do Artesanato 2024. O cearense já esteve outras vezes em Lagoa Seca, e com a voz inconfundível e seu chapéu como estilo particular, Vicente Nery fez os povo dançar e cantar até as 2 horas da madrugada.

Após alguns projetos, o artista lançou carreira solo em 2010, após alcançar auge nacional com composições como as músicas “Senhorita”, “Nunca Mais” e “Ponto Final”. Em seu camarim, ele recebeu autoridades como a prefeita Dalva Lucena, o deputado estadual Fábio Ramalho e outras lideranças políticas do município.

Em certo momento, autoridades da gestão e membros da Secretaria de Cultura, Turismo e Esporte subiram ao palco para fechar oficialmente a edição do evento. Dalva, Fábio e Márcio Rangel (responsável pela pasta) discursam de maneira breve. Praticamente em um só discurso, eles agradeceram o empenho dos servidores da prefeitura e o quanto a edição atual superou as expectativas e ocorreu dentro dos conformes.

Últimas horas para o fim do concurso dos três melhores produtos

O ideal do concurso é celebrar e reconhecer o incrível talento dos artesãos, verdadeiros mestres das mãos que dão vida às artes. Ao todo, 14 peças estão concorrendo em diferentes tipologias e diversos estilos, expostas os cinco dias da festa para que o público eleja a que mais gostou.

A votação acontece da seguinte forma: por meio do acesso via QR Code, que estará disponível na Feira do Artesanato e publicado nas redes sociais da prefeitura, o visitante é direcionado a um formulário e, dentre os itens, poderá votar no que mais gostou.

A votação foi aberta na quarta-feira e segue até este domingo, quando serão conhecidos os três vencedores que se destacaram pela beleza, criatividade e originalidade de suas criações. Os finalistas terão a chance de dividir um prêmio total de R$ 1.000,00. O primeiro colocado será agraciado com R$ 500, o segundo com R$ 300, e o terceiro com R$ 200.

DECOM/PMLS

Pular para o conteúdo