Ações em alusão ao Dia da Consciência são realizadas na maior escola da rede municipal de Lagoa Seca

Esta quarta-feira (14) foi dedicada a ações alusivas ao Dia da Consciência Negra, na Escola Municipal Irmão Damião, maior escola da rede municipal de Lagoa Seca. No educandário, a Prefeitura Municipal, através da Secretaria de Educação, realizou o IV Quizomba nos turnos manhã e tarde, envolvendo cerca de 800 pessoas dentre alunos e colaboradores.
O projeto da que chegou a 4ª edição tem o objetivo de estimular a aprendizagem, o conhecimento sobre outras culturas e o combate ao preconceito.
A programação contou com diversas oficinas temáticas, dentre elas, dança voltadas para cultura Afro, desfile da beleza negra, confecção de bonecas, e ritmos Afro, jogos, maquiagem e turbante, produção de bonecas, poesias, produção de mandalas, religiosidade africanas e natureza, dentre outras também voltadas a cultura Afro. Também houve apresentação de danças típicas e desfile da beleza negra.
O prefeito de Lagoa Seca, Fábio Ramalho, participou das ações e falou sobre a importância do projeto. “Conhecimento nunca é demais e, através de um projeto como o Quizomba, com atividades práticas e envolventes os alunos aprendem sobre uma nova cultura, são formados multiplicadores e é iniciado um trabalho de combate ao preconceito”, destacou o chefe do executivo municipal.
A diretora da Escola Irmão Damião, Rita de Cássia Borges, explicou que o evento integra um ciclo de trabalho realizado a longo prazo com os alunos. “O dia reservado ao Quizomba marca um trabalho realizado pelos professores em sala de aula durante um bimestre letivo. Em sala de aula eles aprenderam sobre a cultura Afro e produziram todo material exposto e utilizado no dia do Quizomba. Toda a decoração da escola foi produzida pelos alunos durante as aulas”, falou a gestora.

Caminhada Literária acontece nesta terça-feira em Lagoa Seca

Acontece no município, nesta terça-feira (14), a Caminhada Literária realizada pela Prefeitura de Lagoa Seca, através da Secretaria de Educação. Alunos de 4 escolas e uma creche localizadas na zona urbana, participarão da ação que começará a partir das 15h com concentração na Praça Matriz e passará por toda região central da cidade.

A ação tem o objetivo de incentivar a leitura, principalmente desde a infância e, ampliar o hábito para outros ambientes além da escola, mostrando também para os adultos que eles podem e devem ler para as crianças ainda não alfabetizadas.

De acordo com o prefeito de Lagoa Seca, Fábio Ramalho, o hábito da leitura é uma pratica saudável para crianças, jovens e adultos. “A leitura deve ser um hábito na vida de todas as pessoas, independentemente da idade. Sabemos que crianças precisam de exemplos e estímulos por parte dos adultos, então é importante que ações como esta ocorram, para falar sobre a importância da leitura e sobre a influência dos adultos em gerar nas crianças o gosto pela leitura, por isso convido todos a participar”, destacou

Durante todo o percurso da Caminhada Literária, os alunos participantes estarão caracterizados de personagens da literatura infantil, segurando cartazes e faixas contendo mensagens de incentivo a pratica da leitura e distribuindo panfletos.

Segundo o Ministério da Educação (MEC) e outros órgãos ligados à educação, a leitura:

  • Desenvolve o repertório: ler é um ato valioso para o nosso desenvolvimento pessoal e profissional. É uma forma de ter acesso às informações e, com elas, buscar melhorias para você e para o mundo.
  • Liga o senso crítico na tomada: livros, inclusive os romances, nos ajudam a entender o mundo e nós mesmos.
  • Amplia o conhecimento geral: além de ser envolvente, a leitura expande nossas referências e nossa capacidade de comunicação.
  • Aumenta o vocabulário: graças aos livros, descobrimos novas palavras e novos usos para as que já conhecemos
  • Estimula a criatividade: ler é fundamental para soltar a imaginação. Por meio dos livros, criamos lugares, personagens, histórias
  • Emociona e causa impacto: quem já se sentiu triste (ou feliz) ao fim de um romance sabe o poder que um bom livro tem.
  • Muda sua vida: quem lê desde cedo está muito mais preparado para os estudos, para o trabalho e para a vida.
  • Facilita a escrita: ler é um hábito que se reflete no domínio da escrita. Ou seja, quem lê mais escreve melhor.

Por isso comece agora mesmo a desenvolver o gosto do seu filho pela leitura.

Maior escola da rede municipal de Lagoa Seca realiza ações em alusão ao Dia da Consciência Negra

No Brasil o Dia da Consciência Negra é celebrado em 20 de novembro e em alusão a data e principalmente com o objetivo de estimular a aprendizagem, o conhecimento sobre outras culturas e o combate ao preconceito, a Prefeitura de Lagoa Seca, através da Secretaria de Educação, realizará no próximo dia 14 de novembro o IV Quizomba.

As ações acontecerão na Escola Municipal Irmão Damião nos turnos manhã e tarde, envolvendo mais de 800 pessoas dentre alunos e funcionários do educandário.

A programação em ambos os turnos contará com oficinas, desfile da beleza negra, confecção de bonecas, ornamentação, capoeira, dança, apresentação de banda e outras atividades.

Conforme o prefeito de Lagoa Seca, Fábio Ramalho, o conhecimento aprofundado sobre novas culturas representa muito no processo de formação das crianças e jovens. “Através de ações como essa, ampliamos e desenvolvemos o conhecimento dos nossos alunos, formamos multiplicadores e combatemos o preconceito. Todas as ações que estimulem aprendizagem, sempre serão apoiadas pela nossa gestão”, disse o chefe do executivo municipal.

A diretora da Escola Irmão Damião, Rita de Cássia Borges, explicou que o evento faz parte de um calendário de ações. “Já estamos na quarta edição do Quizomba, que integra uma séria de ações programadas, sempre objetivando a aprendizagem dos nossos alunos sobre assuntos e culturas diversas. Valorizamos também o ensino prático e atividades extraclasse”, frisou a gestora do educandário.

Avaliação revela que índice de aprendizagem de alunos de Lagoa Seca é maior do que a média estadual

A Prefeitura de Lagoa Seca aderiu ao Programa SOMA – Pacto pela Aprendizagem na Paraíba, do Governo do Estado, lançado em fevereiro deste ano.

O programa tem como objetivo a superação dos desafios da alfabetização, do letramento e dos déficits de aprendizagem nos anos finais do Ensino Fundamental da rede pública de ensino.

Avaliações bimestrais são realizadas para acompanhar o desenvolvimento dos municípios no quesito educação.

O levantamento mais recente ocorreu nos dias 04 e 05 de outubro e Lagoa Seca foi destaque ficando acima da média dos demais municípios que aderiram ao programa.

O SOMA usa cores na divulgação dos resultados conforme uma escala estabelecida, e Lagoa Seca conquistou a cor verde, o que representa excelência no resultado.

De acordo com o prefeito do município, Fábio Ramalho, o resultado obtido é resultado de esforço incessante para melhoria da educação municipal. “Quando assumimos a gestão encontramos um caos em todas as esferas, mas isso não nos desanimou e desde então lutamos a cada dia para melhorar nosso município. Na educação tratamos de abastecer as escolas com merenda de qualidade, material escolar e agilizar as reformas e reparos necessários nos educandários, além de promover capacitação contínua do magistério, incentivando alunos e professores, além de aproximar os pais da vida educacional dos filhos na escola, por isso temos avançado tanto. Os resultados são frutos de muito trabalho da gestão e muito mais iremos fazer, não existe descanso”, frisou o chefe do executivo municipal.

A coordenadora pedagógica do município, Risolene Reis, destacou o trabalho da Secretaria de Educação na busca pelo ensino de qualidade. “Planejamento, ação, foco, gestão, esforço e muito trabalho realizado fez com que atingíssemos esse resultado. O empenho de todos foi e é fundamental na continuidade da melhoria dos nossos índices de aprendizagem. Sabemos que outras conquistas virão, pois acreditamos nos nossos professores e na capacidade dos nossos alunos”, destacou.

RECONHECIMENTO: redação de alunos da rede municipal de Lagoa Seca vencem concurso nacional e serão publicadas em livro

O projeto “Ler é bom, experimente!” é direcionado ao incentivo da prática de leitura e a estimular a criatividade dos alunos nas escolas públicas de todo o país. Destinados aos alunos que estão matriculados a partir do 3º ano (2ª série) até o Ensino Médio.

A unidade escolar recebe como doação de 38 a 114 exemplares de umas das obras do autor Laé de Souza. Além disso, os alunos são incentivados a criar textos a partir da leitura dos exemplares recebidos pela a escola, os melhores textos são selecionados para compor a próxima edição do projeto. Em Lagoa Seca, o projeto coordenador pela professora Andréa Praxedes – que é uma das coordenadores de ensino da Secretaria de Educacao – dois alunos foram selecionados e estão entre os melhores textos do país. Foi o caso de Henrique Fernandes de Souza, matriculado na Escola José Marques de Oliveira (Bela Vista) e Elvira dos Santos Soares da Escola Machado de Assis (distrito de Campinote), que com a ajuda dos seus professores Udilson Gonçalves da Silva e Bruna Araújo da Costa Pimentel tiveram seus textos selecionados para fazer parte da 9º Edição do livro do projeto.

Os textos dos dois alunos da rede municipal de Lagoa Seca foram selecionados dentre textos em todo o país, de um total de 399 escolas que faziam parte do projeto este ano. Além de incentivar a leitura, é a inciativa visa conseguir mostrar a importância da educação, fazendo com que o aluno se torne a fonte principal para a mudança do país. “Estamos muito orgulhosos do trabalho dos nossos alunos. O projeto é importante porque desperta nas crianças o interesse no aprendizado e na leitura. Em uma sociedade onde tudo é digital, o reforço da prática da leitura termina sendo um desafio” comentou a a educadora.

Prefeitura de Lagoa Seca inicia ações do Programa Saúde na Escola

A Prefeitura de Lagoa Seca, através das secretarias de Saúde e Educação, iniciou nesta segunda-feira (18) as ações do Programa Saúde na Escola (PSE). Os trabalhos começaram na Escola Municipal Frei Manfredo, com a participação de cerca de 100 crianças, mas ao todo ocorreram ações em outras 5 unidades da rede municipal de ensino, apenas no primeiro dia de atividades do programa.

As ações, que serão desenvolvidas em todas as escolas da rede municipal, têm como objetivo principal orientar e ensinar os alunos sobre cuidados com a saúde. Profissionais da área vão até os educandários para conversar, de forma clara e objetiva, sobre higiene bucal, importância das vacinas, alimentação saudável e também para medir e pesar os alunos, acompanhando assim o desenvolvimento de cada um conforme a idade.

Durante a primeira ação, o prefeito Fábio Ramalho, que fez questão de participar e de conversar com os alunos da Escola Frei Manfredo, destacou a importância do projeto. “É na escola onde começamos a pensar no futuro, por isso é tão importante cuidar bem das crianças e também mostrar para elas o quanto e como elas podem se cuidar. Além disso, elas são multiplicadoras de tudo que aprendem, então as ações do projeto beneficiam além dos nossos alunos. Temos sempre o objetivo de cuidar bem das pessoas e seguiremos investindo sempre com esse propósito, desenvolvendo ações que melhorem a qualidade de vida do nosso povo”, disse o gestor.

Além do prefeito Fábio ramalho, estiveram presentes o secretário de Saúde, Iran Stênio Barbosa, o secretário de Educação, José Valter Costa, vários coordenadores, além dos profissionais que participam do projeto.

Conforme o secretário de Saúde, Iran Stênio Barbosa, as ações serão desenvolvidas de forma permanente. “O projeto existe há um tempo, mas em nosso município as ações não eram desenvolvidas. A atual gestão está colocando em prática, trazendo para a escola ações que já são desenvolvidas fora dela, como o combate ao tabagismo e drogas, por exemplo. Queremos desenvolver nas crianças a consciência sobre o quanto é importante cuidar da saúde. De forma permanente e rotineira, as equipes estarão a partir de agora visitando as escolas do município, sempre orientando os alunos sobre questões voltadas para a saúde”, declarou o chefe da pasta.

Para o secretário de Educação, José Valter Costa, é importante pensar a educação para novos tempos. “Enxergamos a escola como um local onde é possível ensinar muito mais do que ler e escrever. Pensamos a educação para novos tempos e isso inclui formar multiplicadores e desenvolver a consciência dos alunos sobre a importância de cuidar bem da saúde”, enfatizou.

Ao final da ação, os alunos receberam um kit de escovação, após ouvirem de um dentista a explicação sobre a maneira adequada de escovar os dentes.

7 de setembro: Desfile Cívico de Lagoa Seca foi prestigiado por mais de 5 mil pessoas

A Prefeitura de Lagoa Seca, através da Secretaria de Educação e da Secretaria de Cultura, realizou nesta quinta-feira (07) o Desfile Cívico em celebração a Independência do Brasil. Cerca de 5 mil pessoas prestigiaram o desfile das mais de 30 escolas e 10 bandas fanfarras que abrilhantaram o evento.
O desfile trouxe as ruas o tema diversidade, em vários aspectos, sendo eles: cultural, religioso, de gênero, do campo, étnico-racial, indígena, inclusão social e digital. Além disso, o artesanato da cidade também foi lembrado através da estopa, tema da 1ª Festa do Artesanato do município, realizado no mês de agosto.
A Fanfarra Ypuarana, usando novos trajes adquiridos pela Prefeitura, um investimento superior a R$ 20 mil reais, com músicas bem ensaiadas e coreografias que encantaram o público, o grupo, pela primeira vez, abriu e retornou ao final para encerrar o desfile com uma belíssima apresentação.
Bandas de outros municípios também participaram do Desfile Cívico de Lagoa Seca. Estiveram presente fanfarras de Alagoa Nova, Puxinanã, Matinhas, Massaranduba e Campina Grande.
O prefeito Fábio Ramalho, assistiu todo o desfile acompanhado da primeira dama, Silvia Barros , da vice-prefeita, Dalva Lucena, do deputado estadual, Manoel Ludgério, secretários auxiliares da gestão e de vereadores do município.
O gestor agradeceu a presença de todos e destacou a importância das comemorações cívicas. “Estamos felizes em ver a participação popular, o emprenho dos colaboradores na organização, na logística na segurança e em todos os aspectos. Trouxemos ao nosso desfile, muito mais do que a celebração da independência, aproveitamos para falar sobre diversidade, valorizar nossa cultura e devolvemos aos lagoassequenses o direito de celebrar o 7 de setembro, o que não acontecei há algum tempo. E nosso desfile aconteceu da melhor forma possível, com escolas do município e a Fanfarra Ypuarana dando um verdadeiro show, além da contribuição de bandas de municípios vizinhos”, disse Fábio Ramalho.

Diversidade será tema de desfile cívico em Lagoa Seca

A Prefeitura de Lagoa Seca, através da Secretaria de Educação, realizará nesta quinta-feira (07) o Desfile Cívico em celebração a Independência do Brasil, dentro do cronograma de ações alusivas a Semana da Pátria. A diversidade será tema do desfile deste ano, que contará com a participação de cerca de 30 escolas e 10 bandas fanfarras.

O desfile deste ano contará com diversidade em vários aspectos, sendo eles: cultural, religioso, de gênero, do campo, étnico-racial, indígena, inclusão social e digital.

De acordo com diretora de departamento da secretaria de educação, Elizabethe Barros, o desfile irá gerar reflexão sobre a educação nos dias atuais. “No século XXI, ensinar é um verdadeiro desafio. Educar para novos tempos é complexidade do conviver e acolher o outro nas suas diversidades e escolhas. Isso será abordado, gerando as reflexões sobre a sociedade atual e o processo educacional”, declarou.

O desfile do dia 07 de setembro ocorrerá a partir das 14h nas principais ruas do município, mas o ápice das apresentações será na Rua José Jerônimo da Costa, onde estará instalado o palanque das autoridades.

O prefeito Fábio Ramalho confirmou presença no Desfile Cívico do município.

“Sabemos o valor da nossa independência e ela precisa ser celebrada. Estarei prestigiando nossas crianças e jovens no desfile, ao lado de todos os lagoassequenses, que estão convidados a comparecer”, disse Fábio Ramalho.