Prontos para receber visitação, cemitérios de Lagoa Seca ficarão abertos em horário especial no Dia de Finados

 

A Prefeitura de Lagoa Seca, através da Secretaria de Infraestrutura concluiu nesta quarta-feira (01), os serviços de manutenção nos cemitérios da cidade, que deverão ser bastante visitados nesta quinta-feira, Dia de Finados.

Nos quatro campos santos existentes no município, sendo um na zona urbana e três na zona rural, as visitações poderão ocorrer a partir das 5h da manhã e os portões permanecerão abertos até meia noite.

Nos cemitérios, que estão localizados no Centro, na comunidade de Jenipapo, Oiti e Campinote foram realizados serviços para garantir abastecimento de água, limpeza, poda de árvores, pintura, reparos e trocas de portas e portões. A iluminação também foi reforçada, além de serviços de esgotamento sanitário, para garantir conforto e comodidade aqueles que irão visitar quem partiu e deixou saudades eternas.

A expectativa é que mais de 20 mil pessoas passem nos cemitérios da cidade nesta quinta-feira.

 

Igreja católica promoverá momentos de reflexão com missas em vários horários

 

A Igreja Católica tradicionalmente dedica o dia 2 de novembro em memória a todos os irmãos que já faleceram.

É a denominada Solenidade dos Fieis Defuntos, popularmente conhecida como Dia de Finados. Uma programação com várias missas foi preparada e para serem celebradas nas Igrejas de Lagoa Seca e Cemitérios Municipais, que já estão preparados para receber a população.

Além das pessoas comparecem as celebrações religiosas, é comum que visitem os túmulos, levando flores, realizando orações e acendendo velas.

 

Confira horários das celebrações católicas em Lagoa Seca:

07h – Cemitério Frei Clementino (Centro)

07h – Sítio Oiti (Capela)

09:30h – Distrito de Campinote (Capela)

16:30h – Convento Ypuarana (Centro)

MAIS TRABALHO: obras de pavimentação de ruas no Morro e construção da creche na Vila Florestal seguem sem interrupções

Ao contrário do que foi divulgado em vídeos produzidos com interesses eleitorais e políticos, com intuito de atingir a administração do município de Lagoa Seca, o prefeito Fábio Ramalho confirmou na manhã desta segunda-feira (11) a inexistência de qualquer tipo de atraso nos pagamentos das obras de responsabilidade de sua gestão.
O que aconteceu foi que, há cerca de 15 dias, o FNDE não transferiu os recursos pendentes para conclusão de mais uma fase da obra de construção da Creche Modelo da Vila Florestal, o que gerou um desconforto entre os trabalhadores e a construtora responsável pela obra, mas o empasse foi resolvido na última quinta (07) quando os valores foram creditados. “De lá pra cá, a situação está completamente tranquila e as obras seguem de forma intensa. Já nesta segunda-feira eu visitei o local e todos estão trabalhando” comentou o gestor.
Fábio também garantiu que não existem atrasos no pagamento dos trabalhadores que estão atuando na pavimentação de ruas no bairro do Morro. “Duvido que alguém esteja sem receber há mais de dois meses, o que se jogou nas redes sociais é mentira. Todos os pagamentos dos calçamentos são feitos por metragem, ou seja, no final da semana todos os serviços que foram realizados naquele período são pagos imediatamente. Esse controle eu faço pessoalmente, para evitar justamente atrasos na obra e nos cumprimentos financeiros também. Vale lembrar também que essas duas obras são financiadas com recursos do Governo Federal e que os pagamentos são feitos através de remessas, ou seja, por fase concluída” completou.

REDE DE ESGOTO COMEÇA A SER IMPLANTADA

Na manhã desta segunda-feira, os trabalhadores começaram a inserir as manilhas para conclusão do projeto de instalação da rede de esgoto nas ruas que estão sendo pavimentadas no bairro do Morro.
O serviço complementar será todo custeado com recursos próprios do município e atende a pedidos feitos pelos próprios moradores. “O Governo Federal garantiu os recursos apenas para a pavimentação em paralelepípedos e nós, da prefeitura, vamos arcar com todos os recursos para a instalação da rede de esgotos. Estamos trabalhando e muito, talvez seja por isso que nossos adversários estão tão revoltados. Como não tem o que mostrar, eles criam mentiras na tentativa de confundir a opinião do povo” frisou Fábio Ramalho.

Após uma semana, obras de pavimentação de ruas seguem em ritmo acelerado na Vila Florestal

Após anos de sofrimento e espera, os moradores da Vila Florestal, em Lagoa Seca, agradecem a prefeitura pelo o início das obras de pavimentação de 4 ruas da localidade. O valor investido, com recursos próprios para realização da obra é de quase R$ 160 mil e a conclusão dos serviços deve ocorre num prazo de 120 dias.Após anos de sofrimento e espera, os moradores da Vila Florestal, em Lagoa Seca, agradecem a prefeitura pelo o início das obras de pavimentação de 4 ruas da localidade. O valor investido, com recursos próprios para realização da obra é de quase R$ 160 mil e a conclusão dos serviços deve ocorre num prazo de 120 dias.

O anúncio da pavimentação foi feito pelo prefeito, Fábio Ramalho, no último 08 de julho durante entrega da reforma da Unidade Básica de Saúde da Família (UBSF) da comunidade, e de um poço perfurado com vasão de cerca de 1000 litros por hora, para distribuição gratuita de água para as famílias.

As obras foram iniciadas, trabalhadores podem ser visto no local desenvolvendo as atividades para que as obras sejam entregues dentro do prazo. Estão sendo pavimentadas as ruas Maria do Carmo do Vale, Projetada J (Rua da Igreja), Sebastião Ribeiro e Sebastião Lúcio.

“Sabemos a importância de cada obra realizada, e temos pleno conhecimento do quanto era esperado esse calçamento. Mas a espera chegou ao fim! Estamos buscando melhorar cada vez mais a qualidade de vida dos mais necessitados e com muita luta temos conseguido realizar várias ações. Seguiremos fazendo pela Vila Florestal e por todas as comunidades e bairros de Lagoa Seca”, disse o prefeito da cidade, Fábio Ramalho.

Moradores agradecem a gestão

Após tantos anos de espera pela pavimentação, pelo acesso facilitado a água potável e por uma saúde de qualidade, moradores da Vila Florestal agora agradecem a prefeitura de Lagoa Seca pelas ações na comunidade.

A aposentada, Cecília Pereira da Silva, que mora na Vila Florestal há 12 anos, disse que o calçamento irá acabar com todos os transtornos de locomoção enfrentados pelos moradores. “Temos muito o que agradecer a Fábio Ramalho pelo que ele tem feito por nossa comunidade. O poço foi muito esperado por nós. Além do poço, ele mandou calçar tudo, o que irá facilitar muito nossas vidas”, relatou.

Para a dona de casa, Michele da Silva, que mora na localidade há 17 anos, a obra acabou com uma espera de vários anos. “Aqui os carros não passavam quando chovia, era um grande transtorno. Esse calçamento é um antigo sonho realizado, assim como o poço. Sem falar na reforma do posto que melhorou muito o atendimento”, destacou a moradora.

Também sobre as ações na Vila Florestal, a dona de casa, Fabiana da Silva, que reside na comunidade há 2 anos, a lama e a poeira que traziam tantos transtornos estão com os dias contados. “Durantes as chuvas, era difícil sair e chegar em casa, em dias de sol a poeira tomava conta de tudo, mas graças a prefeitura isso já está acabando, pois tudo está sendo calçado”, disse.

Vila Florestal ganha nova UBSF, poço artesiano e prefeito anuncia início de obra pavimentação de 4 ruas nesta segunda

Na tarde deste sábado (08), a Prefeitura de Lagoa Seca reinaugurou, após total reforma, o Posto de Saúde Maria Alves Brasileiro, localizado na comunidade da Vila Florestal. A reforma da unidade irá beneficiar diretamente cerca de 600 famílias. Além disso, também foi entregue a comunidade um poço artesiano com vasão superior a mil litros de água por hora e anunciado o início das obras de pavimentação de quadro ruas na localidade.
Uma solenidade foi realizada para entrega de todos esses benefícios que irão melhorar a qualidade de vida dos morados. Cerca de 200 pessoas da comunidade compareceram para prestigiar a entrega oficial da reforma do equipamento que estava em estado de total abandono.
A reforma proporcionou a UBSF uma estrutura digna, com equipamentos e material de trabalho para garantir o atendimento das famílias que residem na localidade
Estiveram presentes, o prefeito de Lagoa Seca, Fábio Ramalho, acompanhado da primeira dama, Silvia Barros, a vice-prefeita, Dalva lucena, o deputado federal Pedro Cunha Lima, o deputado estadual Manoel Ludgério, vereadores e vários secretários e auxiliares de governo.
“As dificuldades são grandes, mas isso não irá nos desmotivar. Somos uma equipe empenhada em cuidar e fazer o melhor pelos mais necessitados. Entregamos a unidade totalmente reformada, um poço artesiano e iremos dar início a pavimentação de 4 ruas. Temos feito muito e queremos fazer muito mais, garantindo assim, qualidade de vida para aqueles que estavam esquecidos”, destacou o gestor.
O secretário de Saúde, Iran Stênio Barbosa, avaliou: “O povo soube escolher bem seu representante, um gestor que apresenta resultados desde o primeiro dia. São incontáveis ações, todas elas sempre focadas em cuidar dos mais carentes, atendendo sonhos antigos e com qualidade. Entregamos a reforma da unidade de saúde da Vila Florestal. Agora a população vai poder ser atendida dignamente e os profissionais terão total condição de desenvolver suas atividades, tudo graças ao empenho do prefeito em superar as dificuldades e fazer sempre o melhor para a cidade”, disse.
As obras de pavimentação na Vila Florestal já serão iniciadas na manhã desta segunda-feira. Nesta primeira fase, os investimentos da prefeitura de Lagoa Seca superam os R$ 180 mil. Os trabalhos deverão ser concluídos em 90 dias.

Ginásio de esportes é interditado e Fábio Ramalho autoriza início de trabalho de engenheiros para reforma

Portões enferrujados e caídos, fiação elétrica totalmente exposta elevando risco de choque elétrico, banheiros sem condições de uso, iluminação precária, telhado com inúmeras goteiras, muros caindo e estrutura necessitando de reparos urgentes. Assim a atual gestão recebeu o Ginásio Municipal O Santinão.

Ciente dos riscos para as pessoas a prefeitura de Lagoa Seca, através da Secretaria de Cultura, Turismo, Esporte e Lazer, resolveu fazer nesta a interdição total da estrutura e o prefeito Fábio Ramalho já autorizou os trabalhos de uma equipe de engenharia para realizar os levantamentos necessários para o início da reforma completa do local.

“A situação que encontramos o ginásio é vergonhosa. Nenhum equipamento público destinado a prática esportiva foi deixado funcionando, mas no caso do Santinão, a situação é ainda mais preocupante, porque o local fica ao lado da maior escola do nosso município” comentou o secretário de Cultura, Márcio Rangel.

Apesar das péssimas condições em que a atual gestão encontrou o equipamento público, o município não deixou de investir e desenvolver atividades esportivas. Em seis meses de gestão, já foi dado início as aulas da escolinha de futebol com o projeto “Lagoa Seca em Campo”, realizado um torneio solidário, apoio aos atletas de artes marciais lutadores de jiu-jitsu e dado início a organização do Campeonato Lagossequense de Futebol, além da implantação de melhorias em diversos campos de pelada na zona rural.

Conforme o prefeito Fábio Ramalho, as dificuldades financeiras encontradas ainda não permitiram a realização da reforma. “Temos lutado desde o primeiro dia de gestão para cuidar e oferecer dias melhores as pessoas. Demos prioridade a saúde, pois como todos sabem o hospital e as unidades de saúde não tinham um só comprimido para dar aos pacientes. Cuidamos do abastecimento, das reformas nas escolas, da iluminação pública, da limpeza do município e de outras ações emergentes. Estamos cientes da necessidade de reforma e faremos assim que a situação financeira permitir, como já fizemos tantas outas ações. Mas neste momento, a melhor medida é de fato interditar para evitar que ao trágico aconteça”, declarou o gestor.

   

Após 4 anos, prefeitura de Lagoa Seca volta a investir em infraestrutura e inicia programa de pavimentação de ruas

Mesmo diante da difícil situação financeira encontrada pela atual gestão municipal de Lagoa Seca, a Prefeitura tem trabalhado incansavelmente em benefício da população. Esta semana, a gestão do prefeito Fábio Ramalho iniciou o programa “Vias Abertas” que prevê investimentos para pavimentação de ruas.
A primeira obra já começou a ser executada e trata-se da pavimentação em paralelepípedo da rua Antônio Jerônimo da Costa. A obra tem prazo de conclusão de 90 dias e o valor investido com recursos próprios é de R$ 78.955,30.
A obra que já era esperada pelos moradores do local há anos e, começou a ser executada dias a pós a visita do prefeito Fábio Ramalho ao local. Na ocasião ele conferiu de perto a situação em que a rua se encontrava e os transtornos enfrentados pelos moradores.
Conforme o prefeito de Lagoa Seca, independente das dificuldades encontradas, a gestão seguirá buscando sempre realizar ações em benefício da comunidade. “Não iremos usar as dificuldades como desculpas para deixar de trabalhar. Temos feito nosso papel, sem deixar a população sofrer com o descaso que encontramos, que durou 4 anos. Seguiremos trabalhando por dias cada vez melhores para nossa cidade”, declarou Fábio Ramalho.

Prefeitura de Lagoa Seca implanta iluminação pública no Cemitério Municipal

Na manhã desta quinta-feira (25) a Prefeitura de Lagoa Seca, através da Secretaria de Infraestrutura, implantou o sistema de iluminação pública no Cemitério Municipal.

Foram trocadas lâmpadas dos postes das proximidades do cemitério e, na parte interna foi necessária a implantação de iluminação, que não existia até então.

Agora o Cemitério Municipal de Lagoa Seca, que é a última morada dos que nos deixam, conta com iluminação externa e interna, uma demonstração de respeito da gestão com aqueles que já não estão mais entre nós.

PREFEITURA DO POVO: Fábio e Dalva garantem benefícios para a Comunidade Campo do Bahia

Na noite desta segunda-feira (20), o prefeito de Lagoa Seca, Fábio Ramalho e sua vice, Dalva Lucena, realizaram a primeira plenária popular na comunidade Campo do Bahia, que fica na região do sítio Floriano. Cerca de 100 moradores da localidade compareceram ao evento, que compõe o projeto “Prefeitura do Povo”, que tem o objetivo de ouvir as comunidades, para que os gestores juntos com a população, definam as prioridades administrativas.
Além do prefeito e da vice, também compareceram a plenária os secretários de Saúde, Agricultura, Assistência Social, Infraestrutura, o presidente do IPSER, coordenadores do Departamento de Esportes, Procuradoria Municipal e Câmara de Vereadores.

Diversas pessoas da comunidade fizeram uso da palavra e apresentaram demandas que foram anotadas e respondidas pelo próprio gestor e seus auxiliares. Moradores questionaram sobre assuntos voltados a infraestrutura, saúde, agricultura e educação. Fábio e Dalva se comprometeram em atender às demandas emergenciais como a perfuração de um poço artesiano, definir a atividades de uma âncora da Unidade de Saúde da Família que já existe na comunidade do Floriano e melhorar o transporte escolar, substituindo a Van que atualmente transposta os alunos por um microônibus para que todos tenham mais conforto.

O prefeito Fábio Ramalho destacou a importância da realização da plenária no Campo do Bahia. “Começamos nesta localidade, onde também começamos a trajetória que nos levou até a prefeitura. Assumimos o compromisso de percorrer as localidades e ouvir as necessidades do nosso povo, esta foi apenas a primeira, teremos muitas outras”, disse.

Ainda conforme o chefe do executivo municipal, as pessoas precisam aproveitar a oportunidade para expor os problemas da região. “Na plenária queremos muito mais ouvir do que falar. Desejamos que os lagoasequenses nos ajude a definir as prioridades para cada região do município, por isso é importante a fala deles durante cada plenária”, destacou Fábio Ramalho.