Mutirão da Ultrassonografia acaba com demanda reprimida em Lagoa Seca

Na manhã desta quinta-feira (20) a Prefeitura de Lagoa Seca, através da Secretaria de Saúde, realizou o Mutirão da Ultrassonografia no Hospital Municipal. A ação acabou com uma lista de espera, onde pessoas aguardavam há quatro anos para realizar esse tipo de exame. Foram atendidas 70 pessoas que estavam com os exames marcados através da Central de Marcação, e os exames de ultrassonografia seguirão sendo oferecidos gratuitamente na rede hospitalar do município.

O prefeito de Lagoa Seca, Fábio Ramalho, acompanhou o mutirão de perto e destacou a importância da ação. “Passamos a oferecer ultrassonografia na rede municipal de saúde, o que antes não exista. Mas percebemos a necessidade de atender uma demanda reprimida de anos anteriores, então realizamos o mutirão. Acabar com a fila é mais um avanço na saúde e, um benefício para quem estava esperando deste exame. E assim que temos feito e iremos continuar fazendo, focados e somando esforços para cuidar principalmente dos mais necessitados”, destacou o gestor.

O secretário de saúde, Iran Stênio Barbosa, falou sobre a continuidade do serviço. “O mutirão além de atender a uma demanda reprimida, está agilizando o início a outras ações voltadas a saúde da população. O serviço de realização deste exame permanecerá de maneira continuada. Através do mutirão, estamos proporcionando que as pessoas deem continuidade aos seus tratamentos, agora com diagnósticos mais precisos”, frisou o chefe da pasta.

O médico responsável pela realização dos exames, Doutor Santino Herculano, falou sobre a importância da realização dos exames. “Através desse procedimento os pacientes conseguem um diagnóstico mais preciso sobre a real situação da saúde e com isso seguirem o tratamento adequado para seus casos, e as gestantes, conseguem saber a real situação dos seus bebês”, disse o médico.

Pacientes aplaudem mutirão

A realização do Mutirão da Ultrassonografia acabou com uma longa fila de espera, onde alguns pacientes esperavam a realização dos exames há cerca de quatro anos. Alguns chegaram a pagar pelo exame por não poder esperar pelo agendamento. Sem contar que os procedimentos não eram realizados no município, com isso os pacientes tinham que se deslocar para outro município para realizar o exame.

Para Katiana Pereira Lima, que mora no centro de Lagoa Seca e está gestante, a realização do exame gratuito no município evitou grandes transtornos. “A situação não está fácil e eu preciso acompanhar a saúde do meu bebê. Seria preciso pagar pelo exame e ainda ir para Campina Grande, mas a prefeitura facilitou minha vida. Está de parabéns o prefeito Fábio Ramalho pela preocupação com a população”, declarou a futura mamãe.

A aposentada, Maria Glória Santos, moradora do centro realizou ultrassonografia do abdômen. Ela fez questão de elogiar a iniciativa da gestão. “Antes era um sofrimento para conseguir marcar um exame, uma consulta ou um remédio. Estou com 72 anos e agradeço ao prefeito Fábio Ramalho pelo que ele tem feito. Ele está acabando com o sofrimento das pessoas, tudo aqui melhorou muito”, disse.

Para dona de casa, Maria do Socorro Bezerra Silva, moradora do Anacleto, realizou ultrassonografia no aparelho urinário e relatou está satisfeita com a agilidade da marcação de exames e atendimento. “Foi rápido para marcar, mas antes era muito difícil, sem contar que tínhamos que ir para Campina Grande, gastando com passagem. Mas melhorou muito”, contou.

UBS de Pai Domingos começa a atender comunidade nesta terça

Construída com recursos próprio e inaugurado no último domingo (09) no Pai Domingos, a Unidade Básica de Saúde da Família (UBSF), equipamento esperado pela população local há mais de 30 anos, iniciou nesta terça-feira (11) os atendimentos aos moradores. Cerca de 550 famílias estão sendo beneficiadas diretamente com a implantação da unidade.
Conforme a enfermeira da unidade, Ligia Pinto, muitas pessoas se dirigiram até o posto apenas para obter informações sobre atendimento. “Acredito que por nunca terem tido um posto de saúde perto de casa, as pessoas estão comparecendo para conferir se estamos realmente funcionando e perguntam como conseguem atendimento. Recebemos todos e explicamos que não existe burocracia, basta comparecer e o atendimento é realizado. Estamos vendo as pessoas sorrindo e felizes com a nova realizada promovida pela prefeitura de Lagoa Seca para todas essas famílias”, frisou a profissional.
De acordo com o médico, Rodrigo Vasconcelos, as condições de trabalho estão no padrão de excelência. “A unidade está bem equipada, limpa e com todos os equipamentos necessários, o que nos permite atender muito bem aos pacientes. Isso faz muita diferença para nós profissionais e também que aqueles que aqui são atendidos”, destacou o doutor.
A unidade funciona com uma equipe de 12 profissionais, contando com médico, enfermeiro, dentista, técnico em saúde bucal, agentes comunitários de saúde, recepcionista, auxiliar de serviços gerais e vigilante.

Moradores elogiam atendimento
Já no primeiro dia de funcionamento moradores registraram a satisfação em ter atendimento gratuito e com padrão de excelência, próximo de suas casas.
A agricultura, Solange Cavalcanti da Silva, relatou o que fazia antes para conseguir atendimento médico e disse que ainda estava sem acreditar na nova realidade até ir conferir de perto. “Cheguei aqui e fui muito bem atendida por todos. Eu estava sem acreditar, aí vim conferir e aproveitei para fazer logo uma consulta com o doutor. Antes, tinha que sair de casa de madrugada, ir até o Alvinho que fica longe e nem sempre conseguia atendimento. Agora, tenho pertinho de casa atendimento para mim e para minha família”, declarou a moradora.
Para estudante, Caroline Cavalcanti da Silva, de 21 anos, a UBSF do Pai Domingos facilitará a vida de todos da comunidade. “Era muito complicado conseguir atendimento, pois tínhamos que nos deslocar e nem sempre o atendimento era realizado. Agora tudo passa a ser diferente, o atendimento é muito bom e próximo de casa, ninguém vai ficar doente sem ser tratado ou terá que sofrer em busca de atendimento. Estamos muito felizes”, relatou.
A construção da UBSF pois fim ao sofrimento de cerca de 2000 pessoas que até então precisavam se deslocar para outras localidades em busca de atendimento médico, por mais básico que fosse.

NESTE DOMINGO! Após mais de 30 anos de espera, Prefeitura de Lagoa Seca entrega unidade de saúde na comunidade Pai Domingos

No próximo domingo (09), a Prefeitura de Lagoa Seca realizará a entrega da Unidade Básica de Saúde da Família (UBSF) da comunidade Pai Domingos, região sul do município. A ação vai pôr fim ao sofrimento de cerca de 2000 pessoas que até então precisavam se deslocar para outras localidades em busca de atendimento médico, por mais básico que fosse. A solenidade de entrega está marcada para 9h, no local onde a unidade passará a funcionar.
Conforme a Secretaria de Saúde, totalmente equipada, a unidade que será inaugurada funcionará com uma equipe de 12 profissionais, contando com médico, enfermeiro, dentista, técnico em saúde bucal, agente comunitários de saúde, recepcionista, auxiliar de serviços gerais e vigilante.

De acordo com o prefeito de Lagoa Seca, Fábio Ramalho, o sofrimento dos moradores da localidade em busca de atendimento médico, chega ao fim. “Começo bem aquela região do município e sei o que representa esta obra. Vamos continuar cuidados dos que mais precisam, tenho dito e repetido essa frase. É com ela que justifico as ações realizadas no município. Com esta Unidade Básica de Saúde, acabaremos com um problema antigo enfrentado pelos moradores do Pai Domingos. Agora eles terão atendimento digno e acesso a uma saúde de qualidade, algo nunca feito antes por essas pessoas”, disse o gestor.

A obra irá beneficiar diretamente 550 famílias, que antes precisavam se deslocar para as comunidades de Campinote e Alvinho em busca de atendimento.

Vila Florestal ganha nova UBSF, poço artesiano e prefeito anuncia início de obra pavimentação de 4 ruas nesta segunda

Na tarde deste sábado (08), a Prefeitura de Lagoa Seca reinaugurou, após total reforma, o Posto de Saúde Maria Alves Brasileiro, localizado na comunidade da Vila Florestal. A reforma da unidade irá beneficiar diretamente cerca de 600 famílias. Além disso, também foi entregue a comunidade um poço artesiano com vasão superior a mil litros de água por hora e anunciado o início das obras de pavimentação de quadro ruas na localidade.
Uma solenidade foi realizada para entrega de todos esses benefícios que irão melhorar a qualidade de vida dos morados. Cerca de 200 pessoas da comunidade compareceram para prestigiar a entrega oficial da reforma do equipamento que estava em estado de total abandono.
A reforma proporcionou a UBSF uma estrutura digna, com equipamentos e material de trabalho para garantir o atendimento das famílias que residem na localidade
Estiveram presentes, o prefeito de Lagoa Seca, Fábio Ramalho, acompanhado da primeira dama, Silvia Barros, a vice-prefeita, Dalva lucena, o deputado federal Pedro Cunha Lima, o deputado estadual Manoel Ludgério, vereadores e vários secretários e auxiliares de governo.
“As dificuldades são grandes, mas isso não irá nos desmotivar. Somos uma equipe empenhada em cuidar e fazer o melhor pelos mais necessitados. Entregamos a unidade totalmente reformada, um poço artesiano e iremos dar início a pavimentação de 4 ruas. Temos feito muito e queremos fazer muito mais, garantindo assim, qualidade de vida para aqueles que estavam esquecidos”, destacou o gestor.
O secretário de Saúde, Iran Stênio Barbosa, avaliou: “O povo soube escolher bem seu representante, um gestor que apresenta resultados desde o primeiro dia. São incontáveis ações, todas elas sempre focadas em cuidar dos mais carentes, atendendo sonhos antigos e com qualidade. Entregamos a reforma da unidade de saúde da Vila Florestal. Agora a população vai poder ser atendida dignamente e os profissionais terão total condição de desenvolver suas atividades, tudo graças ao empenho do prefeito em superar as dificuldades e fazer sempre o melhor para a cidade”, disse.
As obras de pavimentação na Vila Florestal já serão iniciadas na manhã desta segunda-feira. Nesta primeira fase, os investimentos da prefeitura de Lagoa Seca superam os R$ 180 mil. Os trabalhos deverão ser concluídos em 90 dias.

Ginásio de esportes é interditado e Fábio Ramalho autoriza início de trabalho de engenheiros para reforma

Portões enferrujados e caídos, fiação elétrica totalmente exposta elevando risco de choque elétrico, banheiros sem condições de uso, iluminação precária, telhado com inúmeras goteiras, muros caindo e estrutura necessitando de reparos urgentes. Assim a atual gestão recebeu o Ginásio Municipal O Santinão.

Ciente dos riscos para as pessoas a prefeitura de Lagoa Seca, através da Secretaria de Cultura, Turismo, Esporte e Lazer, resolveu fazer nesta a interdição total da estrutura e o prefeito Fábio Ramalho já autorizou os trabalhos de uma equipe de engenharia para realizar os levantamentos necessários para o início da reforma completa do local.

“A situação que encontramos o ginásio é vergonhosa. Nenhum equipamento público destinado a prática esportiva foi deixado funcionando, mas no caso do Santinão, a situação é ainda mais preocupante, porque o local fica ao lado da maior escola do nosso município” comentou o secretário de Cultura, Márcio Rangel.

Apesar das péssimas condições em que a atual gestão encontrou o equipamento público, o município não deixou de investir e desenvolver atividades esportivas. Em seis meses de gestão, já foi dado início as aulas da escolinha de futebol com o projeto “Lagoa Seca em Campo”, realizado um torneio solidário, apoio aos atletas de artes marciais lutadores de jiu-jitsu e dado início a organização do Campeonato Lagossequense de Futebol, além da implantação de melhorias em diversos campos de pelada na zona rural.

Conforme o prefeito Fábio Ramalho, as dificuldades financeiras encontradas ainda não permitiram a realização da reforma. “Temos lutado desde o primeiro dia de gestão para cuidar e oferecer dias melhores as pessoas. Demos prioridade a saúde, pois como todos sabem o hospital e as unidades de saúde não tinham um só comprimido para dar aos pacientes. Cuidamos do abastecimento, das reformas nas escolas, da iluminação pública, da limpeza do município e de outras ações emergentes. Estamos cientes da necessidade de reforma e faremos assim que a situação financeira permitir, como já fizemos tantas outas ações. Mas neste momento, a melhor medida é de fato interditar para evitar que ao trágico aconteça”, declarou o gestor.

   

Lagoa Seca ultrapassa meta e vacina mais de 90% do público alvo na campanha da vacinação contra gripe

Este ano a campanha nacional do Ministério da Saúde de imunização contra Influenza, teve início no dia 17 de abril e foi encerrada, após uma prorrogação, no último dia 09 de junho. O município de Lagoa Seca ultrapassou a meta de doses aplicadas, vacinando 91,72% da população. A meta estabelecida foi de 80%.

Conforme dados do setor de imunização da Secretaria de Saúde de Lagoa Seca, foram aplicadas 6165 doses da vacina, a meta era aplicar 5827 doses.

Inicialmente, seguindo as diretrizes da campanha, foram vacinados, gestantes, profissionais da saúde, professores, crianças de 6 meses a menores de 5 anos (4 anos 11 meses e 29 dias), idosos com idade a partir de 60 anos, puérperas (45 dias após o parto) e portadores de doenças crônicas não transmissíveis (hipertensão, diabetes, cardiopatas, etc.), mas na reta final da campanha o Ministério da Saúde autorizou a aplicação em toda as pessoas interessadas em se imunizar.

Para quem não se vacinou e tem interesse, ainda há doses disponíveis nas unidades de saúde, elas serão aplicadas gratuitamente enquanto os estoques durarem. A vacina é feita em dose única, mas é necessário lembrar que crianças que tomarão pela primeira vez, precisarão tomar uma segunda dose, com um intervalo de 30 dias.

Idosos participam de arraial junino promovido pelo NASF de Lagoa Seca

Cerca de 40 portadores de hipertensão e diabetes, participaram na manhã desta quinta-feira (08) de um arraial oferecido gratuitamente pela Prefeitura de Lagoa Seca através do Núcleo de Apoio a Saúde Familiar (NASF), da Secretaria Municipal de Saúde. A programação contou com passeio de ônibus pelas ruas da cidade ao som de muito forró, quadrilha junina e café da manhã no Convento Ipuarana.

A coordenadora do NASF, Irilene Barbosa, destacou a importância do evento para os pacientes. “Eles integram o grupo que chamamos de Hiperdia e esse momento de descontração e confraternização motiva a participação deles em todas as atividades. Isso representa muito para saúde de todos. Um bom estado emocional e se sentir valorizado, influencia positivamente na saúde de qualquer pessoa”, destacou.

Para a coordenadora da atenção básica, Michelle Ribeiro do Nascimento, lembrou que cuidar da saúde vai além de tomar medicamentos nas horas certas. “Esse grupo é portador de doenças que são tratadas diariamente, e isso não deve ser visto como impedimento para viver e ser feliz. Ações como esta mostram para esses pacientes, que apesar de terem que tomar remédios diariamente, eles podem ser felizes e se divertirem”, frisou.

Pacientes aprovam e aproveitam o Arraial

O arraiá promovido pelo NASF foi só alegria para os idosos que participaram da ação. O grupo, todos com mais de 60 anos de idade, dançou muito forró e ainda se reuniu em um café da manhã com comida regional.

Para Severina Maria Martins, que reside no Centro de Lagoa Seca, o arrasta pé foi só alegria. “Eu adoro dançar e agradeço ao prefeito Fábio Ramalho por organizar esse forró para nosso grupo, por lembrar de todos nós. Obrigado prefeito!”, disse.

Josefa Áurea Barros Demétrio, também mora no Centro de Lagoa Seca e participou da ação. “Essa noite eu quase nem dormia, só esperando a hora chegar para dançar forró. Me sinto bem demais quando tem festa assim para nós”, declarou a paciente que tem 75 anos.

Odete Ana Souza, fez questão de agradecer ao prefeito Fábio Ramalho pela programação dedicada ao grupo. “Agradeço ao prefeito Fábio por fazer essa festa para nós. É muito bom está com o grupo e se divertir assim”, finalizou.

Para Antônia de Farias a festa deveria durar o dia inteiro. “Eu adoro dançar e por mim, quanto mais forró, melhor. O prefeito está de parabéns e a equipe também pelo nosso forró. Já estou esperando o próximo”, falou.

Após 4 anos, Prefeitura Municipal de Lagoa Seca passa a oferecer exames ginecológicos gratuitos

A Prefeitura Municipal de Lagoa Seca enxergando a importância da realização de exames ginecológicos para saúde da mulher, resolveu investir na causa e passou a oferecer exames que antes não eram oferecidos de forma gratuita no município.

Desde a última terça-feira (06), a Secretaria de Saúde iniciou, no Posto Inácia Leal, o atendimento para realização gratuita de procedimentos de Coldoscopia, Cauterização e Biópsia. No primeiro dia de atendimento foram realizados 20 exames.
A solicitação para realização dos exames é feita pela Atenção Básica de Saúde de cada região e o agendamento, é realizado pelo Núcleo de Apoio a Saúde da Família (NASF).
A ginecologista responsável pela realização dos exames, Drª Ana Luiza, médica concursada do município, explicou a importância dos exames e lamentou a falta desses serviços em gestões passadas. “Para mim é uma satisfação pessoal está realizando esses procedimentos. Em outras gestões eu tentei muito implantar esses serviços no município, mas não tive sucesso. Esses exames são importantes para saúde da mulher e disponibilizar de graça é uma grande demonstração de carinho, respeito e preocupação com cada uma delas, está de parabéns o prefeito Fábio Ramalho pela implantação desse serviço na saúde”, enalteceu a médica.
Os procedimentos serão realizados sempre na primeira terça-feira de cada mês. O número de atendimentos pode ser estendido, dependendo da procura e necessidade do município.

Prefeitura adquire aparelho para realização de eletrocardiograma no Hospital de Lagoa Seca

A Prefeitura de Lagoa Seca, através da Secretaria de Saúde, realizou a compra de um aparelho para realização de exames de eletrocardiograma no Hospital Ana Maria Coutinho Ramalho. O investimento foi de R$ 7,5 mil. A unidade de saúde não contava com o equipamento para realizar esse tipo de procedimento.
Com o objetivo de elevar a qualidade do atendimento prestado aos lagoassequenses no que se refere a saúde, e melhorar a qualidade de trabalho dos profissionais de saúde que trabalham no hospital, foi realizada a aquisição do equipamento para suprir uma necessidade antiga. A falta do equipamento resultava num atendimento com inúmeros transtornos para profissionais, paciente e familiares de pacientes. Obrigando inclusive, os pacientes a procurar clínicas particulares para realizar o procedimento.
Vale lembrar a todos como a atual gestão recebeu a estrutura pública do município, o hospital, por exemplo, foi recebido com prateleiras vazias, tanto na farmácia quanto na dispensa de alimentos, enxovais totalmente estragados, paredes e tetos com infiltrações e ambulância totalmente sucateada.
Conforme o prefeito de Lagoa Seca, Fábio Ramalho, os investimentos são feitos com o objetivo de cuidar cada vez melhor daqueles que mais precisam. “Jamais esquecerei dos meus compromissos e sigo na busca para honrar com todos eles. A gestão tem cuidado e seguirá cuidando dos mais necessitados. O que for preciso fazer para oferecer melhores condições para as pessoas, faremos. O que não pode ser feito, é deixar a população sem atendimento pela falta de um equipamento. Agora temos um para atender a demanda e realizar os exames de forma gratuita”, destacou o gestor.
Os profissionais estão passando por treinamento para manuseio correto do dispositivo e em seguida o equipamento começará efetivamente a servir a população.
Em menos de 6 meses de gestão, o prefeito Fábio Ramalho já mudou a realidade do hospital da cidade. Equipamentos foram reparados e/ou substituídos, farmácia e dispensa foram abastecidos, novos enxovais foram adquiridos e a unidade recebeu reparos na estrutura e uma pintura.

Fábio Ramalho cumpre compromisso de campanha e Hospital de Lagoa Seca/PB passa a oferecer exames gratuitos de Ultrassonografia

Serviço é voltado pra atender às famílias mais carentes, que não tem condições de pagar o procedimento médico

A Prefeitura de Lagoa Seca, através da Secretaria de Saúde, começou a oferecer e realizar nesta sexta-feira (02) o exame de Ultrassonografia no Hospital Municipal. Apenas no primeiro dia, foram realizados 30 procedimentos, todos gratuitos. Existe ainda no município mais de 200 exames pendentes para realização. Através da iniciativa da gestão, serão realizados 40 exames semanalmente, o que corresponde a 160 procedimentos por mês, todos gratuitos.
Conforme dados da Secretaria de Saúde, mesmo a Prefeitura tendo custeado mais de 150 exames desde o mês de janeiro deste ano, ainda existia uma verdadeira fila de espera na cidade de 204 pessoas.
O prefeito de Lagoa Seca, Fábio Ramalho, acompanhou de perto o início da realização dos exames e destacou a importância do novo serviço para a saúde dos lagoassequenses. “Prometi, durante a campanha do ano passado que iria oferecer esse serviço gratuito no hospital até o meio do ano é assim estamos fazendo. O foco aqui é ajudar aqueles que mais precisam, que não tem recursos para fazer um exame caro como este”
O secretário de Saúde de Lagoa Seca, Iran Stênio Barbosa, que também acompanhou o primeiro dia de atendimento, falou sobre o exame que passa a ser oferecidos a população gratuitamente. “Tínhamos conhecimento da alta demanda e com toda sensibilidade, esforço e atenção que o prefeito Fábio Ramalho tem com a população, agora passamos a oferecer ultrassonografia para quem precisa. Estaremos dando prioridade as gestantes do município, que agora acompanharão de maneira mais eficiente a evolução dos seus bebês. Iremos atender toda a demanda reprimida, inicialmente os exames estão sendo uma vez por semana, mas ajustes podem ser realizados”, frisou o chefe da pasta.
O primeiro dia de atendimento a comunidade também foi acompanhado pelo deputado estadual Manoel Ludgerio, que ao passar por Lagoa Seca nesta manhã de sexta-feira, fez questão de registrar as melhorias que estão sendo implementadas no Hospital Municipal Ana Maria Coutinho Ramalho. “É um novo momento que Lagoa Seca vive. Os desafios são grandes, mas o prefeito Fábio tem tido jogo de cintura e compromisso em supera-los” comentou.