Campanha de Vacinação contra gripe atinge apenas 37,87% e Secretaria de Saúde faz alerta a moradores de Lagoa Seca

A Campanha de Vacinação contra a gripe atingiu nesta segunda-feira (14) um percentual de 37,87% do grupo prioritário, sendo um total de 2.288 pessoas vacinadas. Este ano a campanha de imunização contra Influenza teve início no dia 23 de abril, e o Dia D foi realizado no último dia 12 de maio.

Segundo a Secretaria de Saúde de Lagoa Seca, a estimativa é atender cerca de 90% da população, com cerca de 6.124 doses. As vacinas estão sendo realizadas no Centro de Saúde Manoel Jácome, no horário de atendimento das 07h às 11h e a tarde das 13h às 17h. E nos demais postos de Programa Saúde da Família (PSF) a vacina está disponível das 7h30 até as 15h30.
Devem ser vacinados, gestantes, profissionais da saúde, professores, crianças de 6 meses a menores de 5 anos (4 anos 11 meses e 29 dias), idosos com idade a partir de 60 anos, puérperas (45 dias após o parto) e portadores de doenças crônicas não transmissíveis (hipertensão, diabetes, cardiopatas, etc.). Pessoas que estão com gripe podem se vacinar, se não apresentou febre.
Para tomar a vacina é preciso apresentar o cartão de vacinação junto ao cartão do SUS e documento com foto, os professores precisam apresentam o contracheque e os portadores de doenças crônicas devem apresentar requisição médica.
A campanha de vacinação segue até o dia 1º de junho. A vacina é feita em dose única, apenas crianças que tomarão pela primeira vez, precisarão tomar uma segunda dose, com um intervalo de 30 dias.

 

Secretaria de Saúde realiza encontro para capacitar e valorizar profissionais da saúde

Sentir-se especial e valorizado(a) no ambiente de trabalho, é o desejo de qualquer profissional. Foi esta a proposta principal do I Encontro de Valorização e Capacitação de Recepcionistas e Auxiliares que atuam na saúde. O encontro aconteceu na manhã desta terça-feira (15), no auditório do posto médico, Inácia Leal, e foi ministrado pelos profissionais que integram a equipe multidisciplinar do Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF). Aproximadamente 27 recepcionistas e auxiliares das unidades de saúde vindos da zona rural e urbana participaram do encontro. Estiveram também no local, o secretário de saúde, Iran Barbosa, e demais coordenadores da pasta.

Foi preparado um momento de reflexão para enfatizar o sentido do “acolhimento” dentro das unidades de saúde. Parâmetros éticos, humanitários e de solidariedade, foram as temáticas abordadas dentro da capacitação aos profissionais. Em seguida, foi realizada uma dinâmica onde grupos foram feitos e depois cada grupo explicou o significado e a importância do atendimento dentro dos postos de saúde.

A coordenadora do NASF, Irilene Barbosa, disse que o trabalho só pode sair bem feito quanto gostamos do que fazemos e nos sentimos valorizados
“Os agentes que trabalham na recepção são a porta de entrada do atendimento na unidade de saúde, por exemplo. É por isso que estamos aqui capacitando, compreendendo e ouvindo as suas necessidades. Já os auxiliares também são peças importantes neste ciclo. Eles cuidam, limpam, deixam o ambiente mais agradável e harmônico, é por isso que também merecem um olhar mais humanizado. Só assim, todos, em conjunto, faremos um trabalho na saúde melhor”, comentou
.No final do encontro, foram entregues aos participantes, presentes simbólicos, com o intuito de valorizar e agradar ainda mais os que trabalham na saúde.

Dia D da vacinação contra gripe acontece neste sábado em Lagoa Seca/PB

Dia D da campanha da vacinação contra a gripe em Lagoa Seca, será realizado neste sábado, dia 12. As vacinas serão aplicadas até as 12h nos PSF’s e durante todo o dia no Centro de Saúde Manoel Jácome de Moura.

O Dia D marca o ápice da campanha, quando os esforços serão concentrados e o atendimento ao público ampliado, com o objetivo de atender ao máximo de pessoas que têm o direito a vacina.
Devem ser vacinados, gestantes, profissionais da saúde, professores, crianças de 6 meses a menores de 5 anos (4 anos 11 meses e 29 dias), idosos com idade a partir de 60 anos, puérperas (45 dias após o parto) e portadores de doenças crônicas não transmissíveis (hipertensão, diabetes, cardiopatas, etc.).
Para tomar a vacina é preciso apresentar o cartão de vacinação, os professores precisam apresentam o contracheque e os portadores de doenças crônicas devem apresentar requisição médica.
A vacina é feita em dose única, apenas crianças que tomarão pela primeira vez, precisarão tomar uma segunda dose, com um intervalo de 30 dias.

 

Lagoa Seca inicia campanha de vacinação contra a gripe nesta segunda

A Secretaria de Saúde de Lagoa Seca começou nesta segunda-feira (23), a Campanha Nacional de Vacinação contra o Vírus Influenza. As doses estão disponíveis em todos os postos de saúde do município.

No Centro de Saúde Manoel Jácome, o horário de atendimento é a partir das 07h às 11h e a tarde das 13h às 17h. Nos demais postos de Programa Saúde da Família (PSF) a vacina está disponível das 7h30 até as 15h30. A estimativa é atender cerca de 90% da população, com cerca de 6.124 doses.

Poderão receber a vacina crianças de 06 meses a menores de 5 anos; gestantes; idosos a partir dos 60 anos; mulheres de até 45 dias após o parto; trabalhadores de saúde; população privada de liberdade; funcionários do sistema prisional; professores da rede pública e privada; pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis e pessoas portadoras de outras condições clínicas especiais (doença respiratória crônica, doença cardíaca crônica, doença renal crônica, doença hepática crônica, doença neurológica crônica, diabetes, imunossupressão, obesos, transplantados e portadores de trissomias).

Para a coordenadora de imunização do município, Danielle Medeiros, a ação é extremamente fundamental para a saúde das pessoas. “Nós alertamos que a vacinação não isentará o indivíduo da gripe, mas a vacina irá prevenir as complicações da mesma”, explicou a coordenadora, que pediu que a população buscasse os postos de saúde para a vacinação, onde estão disponíveis todos os dias.

A campanha de vacinação segue até o dia 1º de junho. Para garantir o uso é preciso portar os documentos necessários que são: documento com foto, cartão do SUS e cartão de vacina.

A influenza ou gripe é uma infecção aguda do sistema respiratório, ocasionada pelo vírus influenza, com elevado potencial de transmissão. Inicia-se com febre, dor muscular, e tosse seca. Em geral, tem evolução por período limitado, em geral de um a quatro dias, mas pode se apresentar forma grave.

A gripe propaga-se facilmente e é responsável por elevadas taxas de hospitalização. Idosos, crianças, gestantes e pessoas com doenças crônicas, como diabetes e hipertensão, ou imunodeficiência são mais vulneráveis aos vírus.

 

ALERTA: mais de 240 pacientes com glaucoma correm o risco de perder tratamento gratuito se não se recadastrarem em Lagoa Seca

A Prefeitura de Lagoa Seca, através da Secretaria de Saúde, está convocando as mais de 240 pessoas com Glaucoma, que fazem tratamento pelo SUS, para um recadastramento. O processo é uma recomendação do Ministério da Saúde e será realizado até o dia 30 de abril, na sala de Regulação no Centro de Saúde Manoel Jácome, nas segundas, quartas e sextas-feiras durante à tarde e nas terças e quintas-feiras, pela manhã e pela tarde. O Centro de Saúde é localizado na rua João Otaviano Pequeno, bem próximo ao Hospital Municipal.
O Paciente deve comparecer ao local com os respectivos documentos: RG, CPF, Comprovante de Residência, Cartão SUS e a receita do colírio utilizado. Além destes documentos, é necessário o laudo da situação do paciente que deve ser pedido durante a consulta na clínica de tratamento.
De acordo com a Coordenadora de Regulação, Mônica Leandro, as informações serão repassadas para o Núcleo da Prefeitura de Campina Grande, que regula a regional, para a atualização das informações dos pacientes. Segundo ela, atualmente usufruem do tratamento contínuo aproximadamente mais de 240 pessoas na cidade de Lagoa Seca, deste total, apenas 80 já compareceram para se recadastrar.
“O objetivo do recadastramento é oferecer um melhor tratamento e reorganizar o atendimento contínuo. Além disso, a atualização das informações possibilita aquele paciente que parou de realizar o tratamento, possa reiniciar e regulamentar sua saúde”, explicou a coordenadora.
Esse serviço oferece, gratuitamente, consultas, exames, acompanhamentos, cirurgias, tratamento oftalmológico e até mesmo implante de prótese.
O glaucoma é uma doença nos olhos que pode levar a cegueira. Causado pela lesão do nervo óptico e relacionado à alta pressão do olho, pode provocar sérias alterações no campo visual. Doenças como diabetes, hereditariedade, miopia e lesões oculares são as principais causas do glaucoma. Silencioso, muitas pessoas descobrem tarde o problema, quando já perderam uma parte do campo visual.

EM 4 MESES: Hospital de Lagoa Seca/PB realizou 218 pequenas cirurgias, 1368 internações e quase 9 mil atendimentos, aponta relatório

A Secretária de Saúde de Lagoa Seca realizou uma audiência pública onde foi apresentado o último relatório de setembro a dezembro do ano de 2017. O documento é uma exposição dos serviços da pasta – através de dados estatísticos -, que aconteceram nos referidos meses.
O secretário de Saúde, Iran Barbosa, enumerou alguns dados que a pasta trouxe no último quadrimestre do ano passado relatando a preocupação com a melhoria na qualidade dos trabalhos prestados à população. “15% da arrecadação de impostos do município são repassados para a pasta da saúde, contudo, a nossa apoquentação é sempre fazer mais e melhor”, frisou.
O secretário ainda colocou algumas despesas administrativas, como fardamento e protetor solar para os agentes de saúde, capacitação aos profissionais da área, terceirização dos exames laboratoriais, aquisição de cadeiras, birôs e computadores, entre outras demandas.
Em seguida, foi a vez do assessor de planejamento da Secretaria de Saúde apresentar o relatório com os números do documento. Segundo o relatório, cerca de 10.953 munícipes utilizaram os serviços do hospital no último quadrimestre, por exemplo.

DADOS DO HOSPITAL MUNICIPAL NO ÚLTIMO QUADRIMESTE:

  • Atendimento de Urgência (8.391 casos);
  • Consultas com observação (1.368 casos);
  • Pequenas cirurgias (218 casos);
  • Eletrocardiogramas(49 casos);
  • Ultrassonografias (840 casos);
  • Internações hospitalares (87casos)

MÉDIA COMPLEXIDADE e ESPECIALIDADES:

  • Atendimento de fisioterapia, exames clínicos, endocrinologia, pediatria, cirurgião geral, psiquiatria, clínico geral, fonoaudiologia, entre tantos outros. Total de 31.526 pacientes atendidos.

DADOS DA ATENÇÃO BÁSICA:

  • Consultas de enfermagem, consultas médicas, atendimentos odontológicos, visitas dos agentes comunitários de saúde, ginecologia e obstetrícia.Total de 52.624 pacientes atendidos.

O relatório mostrou também que a cidade possui 2.785 famílias beneficiadas pelo o programa Bolsa Família. Sendo assim, na 2ª vigência de 2017 foram acompanhadas 2.291 famílias pela Atenção Básica com 82,26 %.
Por fim, a Secretaria de Saúde informou que, no mês de maio, duas unidades de saúde e uma equipe do Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF) serão inauguradas, uma no bairro Juraci Palhano, e outra nas redondezas do Campo do Bahia.

 

Secretaria de Saúde reúne agentes de saúde para programar campanhas de vacinação em Lagoa Seca

Os agentes comunitários de saúde do município participaram de uma reunião promovida pela Secretaria de Saúde de Lagoa Seca que teve como objetivo fazer esclarecimentos e programar os cronogramas de vacinação que serão oferecidos à comunidade já a partir da próxima semana.

O encontro contou com a presença do Prefeito Fábio Ramalho e do o Secretário de Saúde, Iran Barbosa, além de coordenadores do setor.

Os mais de 50 agentes de saúde que participaram do momento, receberam as orientações sobre as vacinas para o vírus Influenza, que são transmitidos facilmente por pessoas infectadas ao tossir ou espirrar.

A vacina terá disponibilidade no município já a partir do dia 16 de abril e a campanha de vacinação seguirá até o dia 25 de maio nos postos de saúde, tendo como público-alvo os maiores de 60 anos, gestantes, crianças com até 05 anos, portadores de doenças crônicas e professores.

Os agentes de saúde também foram notificados da mobilização que ocorrerá para a vacinação contra o vírus HPV – um vírus que atinge a pele e as mucosas, podendo causar verrugas ou lesões percursoras de câncer, como o câncer de colo de útero, garganta ou ânus. O nome HPV é uma sigla inglesa para “Papiloma vírus humano” e cada tipo de HPV pode causar verrugas em diferentes partes do corpo. A transmissão acontece no contato pele com pele, por isso pode ser considerado uma doença sexualmente transmissível.–  O público alvo são as meninas dos 09 aos 14 anos e meninos com faixa etária dos 11 aos 14 anos. Haverá também uma mobilização para a prevenção contra a Meningite – nome dado à inflamação da meninge, membrana que recobre o sistema nervoso central. A meningite é uma doença grave, potencialmente fatal, que costuma ser causada por agentes infecciosos, tais como bactérias, vírus e fungos.–  O público alvo desta vacina são os adolescentes com faixa etária de 11 a 14 anos, tanto para o sexo masculino quanto feminino.

Segundo Danielle Medeiros, já está sendo preparado um cronograma com as escolas do município visando criar uma escala de dia e horário para as vacinações contra o HPV e a Meningite. Os usuários poderão, também, procurar as unidades básicas de saúde, onde as vacinas estarão disponíveis. Os documentos necessários são o cartão do SUS e o cartão de vacinação para a atualização das mesmas.

 

Mutirão da Mamografia, da Secretaria de Saúde, atraiu dezenas de mulheres nesta quinta-feira

Os dados são alarmantes. Segundo o Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA), o câncer de mama é o tipo de câncer mais comum entre as mulheres no mundo e no Brasil, respondendo cerca de 28% dos casos novos a cada ano. A estimativa no país é de 59.700 novos casos ao ano. Pensando nisso, a Secretaria de Saúde através da Prefeitura Municipal de Lagoa Seca, realizou nesta quinta-feira (22), o III Mutirão da Mamografia.
O evento aconteceu na praça Severino Cabral onde o atendimento foi feito em benefício ao mês da mulher. A ação gratuita aconteceu das 8h da manhã até o final da tarde visando atender 80 munícipes.
Durante todo o dia, mulheres acima dos 40 anos foram até à unidade móvel que se encontra ao lado do salão paroquial para realizar o exame, que dura de 5 a 10 minutos.
O exame é uma ação preventiva para diagnosticar possíveis patologias à mama da mulher. O resultado saiu na hora.

“O trabalho é de grande importância pois é um serviço preventivo. Essas ações de mamografia são relevantes para todas as mulheres, não só as do município, mas as de todo o Brasil. Infelizmente, o que nos é oferecido através do Ministério da Saúde é uma cota muito pequena para ações como essa, logo, o município investe em tentar atender toda demanda da saúde da mulher oferecendo um trabalho de qualidade”, enfatizou o Secretário de Saúde, Iran Barbosa.

Ednalva Gomes, que veio pela primeira vez fazer o exame, falou que a ação da prefeitura possibilitou às mulheres um exame gratuito e de serventia. “Muitas vezes, nós não temos condições financeiras de fazer o exame particular, então eu acho muito bom quando surge uma ação dessa em benefício de todas”, completou a paciente.
O mutirão aconteceu até às 17h atendendo toda a demanda do local.