Secretaria de Saúde de Lagoa Seca presta contas em audiência pública na Câmara de Vereadores

Por meio de uma audiência pública, a Secretaria de Saúde de Lagoa Seca apresentou, nesta quinta-feira (20), na Câmara de Vereadores, tudo o que foi investido e produzido pelo governo municipal durante o 3º quadrimestre (setembro a dezembro) de 2019 e o 1º quadrimestre (janeiro a abril) de 2020 na área da saúde.

O relatório obedece à Lei Complementar 141/2012, da União, que estabelece os critérios de rateio dos recursos de transferências para a saúde e as normas de fiscalização, avaliação e controle das despesas com o seguimento.

Acompanharam a audiência coordenadores da Secretaria de Saúde e alguns vereadores da Câmara. O evento foi transmitido pelas redes sociais e não pôde reunir a população para acompanhá-lo, já que esse tipo ocasião é impedida pelas autoridades sanitárias devido à pandemia.

Segundo o balanço da Secretaria de Saúde acerca dos relatórios, houve uma queda expressiva nos números do primeiro quadrimestre deste ano se comparado aos últimos quatro meses de 2019. A resposta está no isolamento social e na baixa demanda encontrada nos setores de atendimento de saúde pública, cujos serviços são oferecidos pela prefeitura – como postos de saúde, exames de rotina entre tantos tantos.

Apesar disso, o governo municipal tem investido e dedicado maior parte de sua agenda de trabalho quando o assunto são as atividades de combate ao novo coronavírus, destocou o secretário de Saúde de Lagoa Seca, Iran Stênio Barbosa, na audiência de ontem.

No mês passado, Iran já havia usado a plenária da Casa de Napoleão Coutinho para dizer dos feitos da prefeitura frente à saúde dos lagoassequenses em época de pandemia. Na sessão ordinária que marcou sua apresentação, o secretário ainda citou que se a cidade tinha um índice grande de infectados pela Covid-19 a justificativa estava nos exames disponíveis à população suspeita, embora a campanha do isolamento social continue sendo um dos remédios mais valiosos na luta contra o imigo invisível.

Equipes da Secretaria de Saúde e vereadores em audiência pública na Câmara nesta quinta-feira (20); Imagem: Reprodução.

 

DIA HISTÓRICO: Lagoa Seca conhece sua nova praça central, e prefeito Fábio garante novos investimentos na área da saúde

Há pelo menos 50 anos o povo lagoassequense aspirava pela reforma da Praça Severino Cabral. O sonho, portanto, foi concretizado na noite desta sexta-feira, 14. Apesar da pandemia da Covid-19, o prefeito Fábio Ramalho usou dos protocolos recomendados pelas autoridades de saúde e fez uma breve solenidade para oficializar a entrega da nova praça.

A área total da praça tem agora uma estrutura que oferece playgroud e academia popular de saúde; rampas de acessibilidade; bancos novos; 3 quiosques (com 5 boxes e 2 banheiros); e uma fonte d’água com a imagem da padroeira do município.

Os serviços não pararam por aí. Todo o piso foi trocado, bem como feita a poda das árvores e a substituição de algumas já mortas. Além disso, foram implantados postes com lâmpadas de LED. Já para os que são apaixonados por fotos e amam Lagoa Seca, o letreiro “Eu ‘amo’ (símbolo do coração) Lagoa Seca” está bem no centro da praça.

Mais cedo, o chefe do executivo municipal e outras autoridades locais participaram de uma celebração na Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, cerimônia religiosa que simbolizou o agradecimento de toda cidade pelo feito conquistado.

Com o fim da missa, o músico Serginho do Sax desfilou e embalou canções que emocionaram a quem estava no local. Em seguida, foi a vez do padre Fabiano Melo fazer uma benção geral, prosseguida das palavras emocionadas de Fábio.

”Agradeço a Deus por ter me feito filho e prefeito desta cidade, e por ter me dado a honra de, ao lado de toda uma gestão, executar um sonho tão antigo”, disse.

Segundo momento tem live e anúncio de novas obras em Lagoa Seca

Depois do descerramento da placa e o fim do discurso de Fábio ao povo presente, o prefeito, a vice Dalva Lucena e alguns vereadores marcharam em direção ao Salão Paroquial, com o intuito de conversarem sobre o evento através da live nas redes sociais.

Poucas autoridades estavam no salão, e as que acompanharam presencialmente a fala do gestor, usaram máscaras e respeitaram o distanciamento social.

Entre a prestação de contas feitas no momento, Fábio garantiu – neste ano ainda – as reformas do Hospital Municipal Ana Maria Coutinho Ramalho e da Policlínica Manoel Jácome, ambos investimentos que darão mais robustez à área da saúde.

“Praça da Matriz” com segurança total

Não é possível falar de lazer sem segurança. É por isso que a “Praça da Matriz” carrega agora outro diferencial e que vai possibilitar aos lagoassequenses uma melhor visita quando forem ao local.

Ouvindo moradores próximos e toda comunidade, o governo municipal instalou câmeras pela praça e próximo às ruas adjacentes dela; 16 no total. Vigilantes municipais vão fazer a ronda durante todo o dia, incluindo os finais de semana.

Para reforçar ainda mais a tranquilidade e o bem-estar social, os seguranças vão dispor do apoio diário das rondas da Polícia Militar.

Aspectos históricos da Praça

Não existem muitos registros em livros ou arquivos disponíveis que possam contar com exatidão o nascimento da Praça Severino Cabral. Pouca coisa se sabe de sua história.

João Pereira Neto é recém-formado e leciona a disciplina de História no Colégio Municipal Irmão Damião Clemente, em Lagoa Seca. Segundo ele, parte do que poderia contar o período de construção da praça se perdeu com uma inundação no passado e mudanças de prédios administrativos da prefeitura em outras gestões.

“O que tenho, quando fui pesquisar […], era muito pouco. Certa vez, teve uma inundação no município, e a maioria dos arquivos se perdeu. Além disso, na gestão do prefeito Gilvan Carneiro, de 1996 a 2000, com a mudança no centro administrativo da prefeitura, que inclusive era na Escola Irmão Damião, poderia ser que tivéssemos ali algum documento que contasse a história precisa da praça”, comentou o docente.

Só que no ano de 2007, a professora Elizangela Jerônimo dos Santos publicou um livro sobre Lagoa Seca. Intitulado de “Tarimba: Aspectos históricos e culturais de Lagoa Seca (1929-1969)”, a obra remeteu-se a ouvir antigos moradores e pessoas influentes da cidade, que colaboram com o trabalho da pesquisadora, dizendo como Lagoa Seca havia surgido e quem foram os primeiros habitantes desta terra, entre outras coisas.

No entanto, o trabalho da professora não trouxe grandes passagens sobre como se deu a origem da praça e quais os contextos (políticos, principalmente) da época eram presentes.

Segundo Elizangela, alguns anos após a finalização da Igreja Nossa Senhora do Perpétuo Socorro (igreja da Matriz), foi construída a Praça Severino Cabral em frente ao templo. A praça recebeu esse nome em homenagem ao prefeito de Campina Grande, que financiou a obra, já que Lagoa Seca era distrito de Campina.

Só para se ter uma ideia, a “Igreja da Matriz” foi fundada em 15 de agosto de 1954.

Coincidência – ou não – os lagoassequenses recebem a tão sonhada reforma da praça praticamente depois de cinco décadas da construção da igreja. Embora a pandemia do novo coronavírus subtraia a participação popular neste momento histórico e toda festividade que a obra merece, a gestão do prefeito Fábio Ramalho pareceu acertar em cheio no calendário o dia e hora para a concretização deste sonho.

Veja alguns momentos de como foi a noite desta sexta-feira

 

 

Prefeitura de Lagoa Seca abre cadastro para trabalhadores da cultura terem acesso a auxílio

Está liberado a partir desta sexta-feira, 14, até o dia 23 de agosto, o acesso para trabalhadores da cultura fazerem seus cadastros, que servirão de base para o repasse da verba federal oriunda da Lei Aldir Blanc.

O interessado terá que entrar no portal da prefeitura, através do link lagoaseca.pb.gov.br, e realizar o procedimento.

Podem se cadastrar pessoas física ou jurídica que sejam artistas autônomos. Representantes de qualquer espaço cultural independente, como teatros, escolas de dança, grupos populares, estúdios e outros, também devem se registrar.

Segundo a Secretaria de Cultura do município, o objetivo do cadastro é criar uma base de dados para ações municipais na área da cultura, além de planejar a efetividade da Lei Aldir Blanc, que prevê uma ajuda a profissionais e autônomos neste período de pandemia.

Live “Festa na Roça” em homenagem aos agricultores

Na noite desta quarta (12), a Secretaria de Agricultura e Abastecimento de Lagoa Seca-PB realizou uma live intitulada “Festa na Roça” para homenagear os agricultores da cidade.

Com apresentação de Iponax Vila Nova, a transmissão contou com muita cantoria com a participação do cantor da terra, Jefferson Arretado, e dos poetas Ivanildo Vila nova e Rogério Menezes.

Uma noite repleta de cultura nordestina, com versos e repentes dedicados ao trabalhador rural. Além dos brindes sorteados durante a live, o momento contou com a presença do prefeito Fábio Ramalho e do secretário Moisés Júnior, parabenizando os agricultores.

Salão do Artesanato reabre nesta quarta-feira em Lagoa Seca

Depois de sete meses sem funcionamento por causa da reforma em sua estrutura e da atual pandemia, o Salão do Artesanato reabre suas portas a partir desta quarta-feira (12), em Lagoa Seca. O novo espaço não só passou por melhorias, como está readequado aos ditames das autoridades de saúde no combate ao novo coronavírus.

Para que não haja qualquer tipo de aglomeração, o atendimento aos clientes será comandado apenas por duas artesãs dentro da loja, cujo expediente será o mesmo de antes, isto é, de segunda a sexta, das 8h às 11h30, e das 13h às 17h.

Quem for visitar o Salão de Artesanato só poderá entrar no local usando máscara de proteção individual, como reza os protocolos médicos. Dispositivos de álcool em gel estarão espalhados em toda área dele – medidas que impedem a proliferação da Covid-19.

A Secretaria de Cultura pediu a quem é artesão e faz parte de algum grupo de risco da doença, que permaneça em casa.

Apesar dessas restrições, o Salão do Artesanato não deixará de acolher os futuros artesãos que desejarem vender suas mercadorias. Para isso, é preciso que a pessoa interessada procure o próprio Salão e faça seu cadastro, portando identidade, CPF, comprovante de residência, foto 3X4 e um de suas peças.

A Secretaria de Cultura informou que, até o momento, 70 artesãos têm cadastro na base de dados da pasta; mais da metade expõe na loja. Boa parte do grupo exibe seu trabalho na tradicional Festa do Artesanato, em Lagoa Seca.

Muitas tipologias fazem parte do artesanato de cidade, do qual saem valiosas obras de arte; sendo um verdadeiro cardápio para quem ama e valoriza esse tipo de cultura. Uma novidade para a reabertura do Salão, entre tantas, é a “Área Verde”, um cantinho preparado para os que admiram o universo das plantas.

Outras novidades e informações podem ser encontradas no perfil do Salão de Artesanato, no Instagram: @artesanato.lagoaseca.

Ajuda humanitária em tempos de pandemia

Em junho, a Secretaria de Cultura, Turismo, Esporte e Lazer levou solidariedade em forma de cesta básica para as artesãs de Lagoa Seca. Cerca de 40 cestas foram entregues na primeira fase.

A distribuição dos donativos foi uma espécie de delivery, ou seja, entregue nas casas, respeitando as medidas de prevenção ao coronavírus. Quem já recebeu a cesta fazia parte de alguns critérios estabelecidos pela secretaria, entre eles o de prestar plantão e vender as peças artesanais no Salão de Artesanato.

(Artesãs e autoridades municipais durante a solenidade de reinauguração do Salão do Artesanato, em Lagoa Seca, em 2018/ Imagem feita antes da pandemia)

 

 

 

Secretaria de Assistência Social de Lagoa Seca/PB realiza live em comemoração aos 30 anos de ECA nesta sexta

No mês de julho, o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) comemorou seus 30 anos de existência. Ele garante a proteção integral das pessoas nessas duas fases da vida.

E para homenagear e falar um pouco a respeito do trabalho desenvolvido pelo ECA, a Secretaria de Assistência Social de Lagoa Seca/PB através do Centro de Referência Especializado em Assistência Social (CREAS) irá realizar uma live intitulada: “30 anos do ECA: O papel do Conselho Tutelar, Creas e Poder Judiciário na garantia de direitos da criança e do adolescente”.

A Live acontecerá na próxima sexta(14), às 17h, e será transmitido nas redes sociais da prefeitura (Youtube e Facebook). A transmissão contará com a participação do Juíz da Vara da Infância de Campina Grande, Hugo Gomes Zaher, do Conselheiro Tutelar de Lagoa Seca, Dannylo Cabral e com toda a equipe técnica do Creas.

DIA 14: sem a presença do público, Fábio Ramalho promove live para entregar nova Praça Severino Cabral

Sem dúvidas uma das obras municipais mais aguardadas pelos lagoassequenses há décadas. A Praça Severino Cabral (ou Praça da Matriz), no Centro de Lagoa Seca, está ficando de cara nova e promete atender as expectativas da população. Para isso, o prefeito Fábio Ramalho vai realizar, na próxima sexta-feira (14), uma live na redes sociais da prefeitura para entregar oficialmente a reforma da praça.

Para que haja não aglomeração – por causa da pandemia do novo coronavírus –, a solenidade não poderá contar com a presença da comunidade. A transmissão ao vivo acontece a partir das 20h, da próxima sexta, dia 14.

Dentre algumas atividades que constarão na programação do dia, está a benção do pároco municipal num dos eventos que promete ficar na história da cidade.

FESTA NA ROÇA: em comemoração ao dia do agricultor, prefeitura vai promover live com apresentação de poetas repentistas e sorteio de brindes

O Dia do Agricultor – comemorado oficialmente em 28 de julho – não poderia passar em branco. E é por isso que a prefeitura vai promover uma super live em homenagem àqueles que tiram da terra o seu sustento e abastecem as casas e estabelecimentos por aí afora. A transmissão ao vivo acontecerá na próxima quarta-feira (12), às 19h30, pelas redes sociais da prefeitura.

Quem vai comandar a apresentação é o radialista e poeta Iponax Vila Nova, muito conhecido nesse meio artístico. O declamador vai conduzir a disputa dos repentistas Rogério Meneses (PB) e Ivanildo Vila Nova (PE), artistas consagrados do Nordeste e convidados especialmente para o momento em tela.

Embora a pandemia impeça as autoridades de reunir e abraçar todos os agricultores nesta data festiva, reconhecê-los continua fazendo parte da agenda de trabalho do governo municipal. Tanto é, que na live da quarta-feira, a Secretaria de Agricultura vai sortear brindes entre homens e mulheres do campo que têm algum tipo de cadastro no sistema da secretaria.

Os brindes foram obtidos, em mais um ano, através da parceria que gestão tem em sintonia com empresas e demais autoridades da cidade.

Vale lembrar que as comemorações e a entrega desses brindes sempre ocorreram desde o começo da gestão Fábio Ramalho, especialmente na tradicional Festa do Artesanato, quando a Secretaria de Agricultura preparava uma programação com artistas repentistas, comidas típicas entre outras atrações. Neste ano, porém, o agricultor terá que acompanhar tudo de casa.

Aproveitando o ensejo, o secretário de Agricultura e Abastecimento, Moisés Pereira Ribeiro Júnior, fará uma prestação de contas de tudo o que seu setor vem desenvolvendo em Lagoa Seca. O prefeito Fábio Ramalho, claro, estará presente.